Topo

Fórmula 1

Hamilton diz que vencer no Brasil era sonho de criança e que está "caçando"

AP Photo/Nelson Antoine
Lewis Hamilton comemora pole em Interlagos Imagem: AP Photo/Nelson Antoine

Gustavo Franceschini, Julianne Cerasoli e Luiza Oliveira

Do UOL, em São Paulo

13/11/2016 17h40

Há duas razões para a vitória deste domingo (13) ter sido especial para o inglês Lewis Hamilton, 31. O triunfo coroou a relação especial que o piloto nutre com o Brasil, algo que ele já havia deixado claro durante a semana que antecedeu o Grande Prêmio realizado em Interlagos. Além disso, adiou a definição do campeão da temporada 2017 da Fórmula 1 – Nico Rosberg, companheiro de equipe de Hamilton, tinha chance de deixar o autódromo paulista com o título.

“Estou caçando. O que posso fazer é o que estou fazendo até agora. Vou dar tudo que eu posso, e agora é só viver o momento. Vencer aqui é o que eu sonhei desde que comecei a correr, com cinco ou seis anos”, disse Hamilton depois da prova.

“Quero agradecer o carinho de sempre aqui no Brasil. Quando chove é um bom dia para mim. Quero agradecer também ao meu time. Estamos fazendo história. É incrível, e eu estou orgulhoso de fazer parte disso”, completou.

Com a vitória de Hamilton em Interlagos, a decisão do título de pilotos foi postergada para a última etapa da temporada, em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos). Rosberg precisa de pelo menos um terceiro lugar para ficar com o título independentemente de outros resultados.

Dono de três títulos (2008, 2014 e 2015), Hamilton brigou com Rosberg até a última etapa na temporada retrasada – no ano passado, foi campeão com folga. A rivalidade entre os dois tem sido exacerbada desde 2013, quando os pilotos se tornaram companheiros de equipe.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!