Topo

Fórmula 1

Vettel descarta ir para a Mercedes e aposta em surpresa da Ferrari em 2017

Henry Romero/Reuters
Imagem: Henry Romero/Reuters

Do UOL, em São Paulo

05/12/2016 11h19

Pelo menos um dos pilotos cotados para substituir Nico Rosberg na Mercedes depois que o atual campeão mundial anunciou que vai deixar a categoria, Sebastian Vettel, já descartou a possibilidade de deixar a Ferrari. O alemão, que vem de um ano abaixo do esperado, em que não conseguiu vencer nenhuma corrida, demonstrou confiança na recuperação da Scuderia.

“Não acho que seja um grande segredo. Kimi [Raikkonen, seu companheiro] e eu temos um contrato para o ano que vem, então isso deveria ser claro”, disse o alemão, que participou de um evento da Ferrari neste final de semana em Daytona, nos Estados Unidos.

O piloto, que tem contrato com a Ferrari até o final do ano que vem, indicou esperar que a equipe aproveite bem as mudanças de regulamento que vão acontecer para a próxima temporada, com a adoção de pneus mais largos e novas normas aerodinâmicas.

“Muitas coisas estão acontecendo mas para nós as coisas estão quietas, o que é um bom sinal. Estamos focados no nosso trabalho que temos, que é muita coisa para o ano que vem. Vão acontecer muitas mudanças no carro, então muito esforço está sendo feito, e pode haver uma surpresa, mas vamos esperar para ver”, disse.

“Quando as regras mudam, as coisas podem se alterar. E tomara que isso nos torne mais fortes, mas é impossível ter qualquer expectativa agora.”

De fato, Vettel parece estar fora dos planos da Mercedes. Também em evento no último final de semana, o chefe do time, Toto Wolff, disse não ter “a intenção de interferir nos problemas internos da Ferrari. E nem sei se Sebastian realmente teria a intenção de pilotar conosco.”

O promotor da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, também opinou sobre o assunto e disse que Vettel não iria para a Mercedes porque “não gostaria de ser companheiro de Lewis Hamilton.”

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!