Topo

Fórmula 1

De fortuna a morte prematura: que fim tiveram os campeões aposentados da F1

Divulgação
Assim como Rosberg, Mike Hawthorn se aposentou após seu único título na F1 Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

12/12/2016 11h47

O que Nico Rosberg tem em comum com Jackie Stewart, Nigel Mansell e Alain Prost? Os três pilotos surpreenderam ao deixarem a Fórmula 1 logo depois de conquistarem títulos na categoria, assim como um campeão menos famoso, Mike Hawthorn que, assim como o piloto alemão, se aposentou após seu primeiro e único título.

A história aconteceu em 1958: o britânico não tinha o melhor carro, mas venceu a batalha com seu algoz Stirling Moss, em uma história curiosa. O lance decisivo do campeonato aconteceu a 3 provas do final, em Portugal, quando Hawthorn, que fora 2º colocado, foi desclassificado por empurrar seu carro. Moss defendeu o colega e conseguiu que a punição fosse revogada. Acabou perdendo o campeonato pelo cavalheirismo.

Logo após a conquista, o piloto, que estava na F-1 desde seu terceiro ano, em 1952, anunciou a aposentadoria. Porém, três meses depois o piloto morreu em um acidente de automóvel. A bordo de seu Jaguar 3.4 Mk 1, bastante ‘envenenado’, bateu em uma árvore em uma rodovia na Inglaterra. Muitas teorias surgiram após o acidente, incluindo falha mecânica, mas o mais provável é que o acidente tenha ocorrido enquanto o campeão tirava um racha na estrada com seu amigo e piloto Rob Walker.

O escocês Jackie Stewart foi outro que se aposentou logo após conquistar o título - no caso dele, o terceiro, ao final da temporada de 1973. O motivo foi o acidente que matou seu então companheiro de equipe, o francês François Cevert, considerado um dos mais talentosos de sua geração.

Após deixar a Fórmula 1, o hoje Sir Jackie Stewart fez um pouco de tudo: foi comentarista de TV, apresentou Jogos Olímpicos, representou diversas marcas ao longo dos anos e chegou a ser chefe de equipe entre 1997 e 1999. Em tudo o que fez, mesmo no fim da Stewart GP, pela qual Rubens Barrichello correu, o escocês sempre lucrou.

O primeiro e único título de Mansell na F-1 demorou: foram três vices (1986, 1987 e 1991) até a conquista, com folga, a bordo de um dos melhores carros da história, o Williams FW14B. Com 39 anos e descontente com a contratação de Alain Prost para a temporada seguinte, o inglês decidiu deixar a categoria, indo correr na Indy em 1993 - e ganhando o campeonato. O “leão” ainda voltaria em 1994, substituindo o brasileiro Ayrton Senna na própria Williams, e voltaria a encerrar a carreira na categoria em 1995. Depois disso, disputou várias categorias, principalmente no turismo, e também se tornou jogador de golfe.

A Williams manteve sua tradição de não manter seus campeões no ano seguinte, quando Alain Prost, que passara um ano longe da F-1 em 1992, retornou para ganhar o título também com folga. Na época, disse que estava de saída porque queria “se aposentar no topo”: tetracampeão, aos 38 pontos. Imediatamente após sua aposentadoria na categoria, Prost passou a trabalhar como comentarista para a televisão francesa, posto que também ocupa atualmente. Em 1997, o tetracampeão assumiu o controle da equipe Ligier, renomeada Prost GP, mas não teve sucesso e o time entrou em falência em 2002. No ano seguinte, Prost voltou a correr em um campeonato de corrida no gelo, e foi tricampeão.

Rosberg, por sua vez, ainda não anunciou o que fará no futuro, mas declarou recentemente que gostaria de atuar no cinema. "Acho que eu seria um bom ator de filme de ação", disse o campeão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!