Fórmula 1

Vaga de Rosberg segue aberta, mas 5 pilotos já estão de casa nova em 2017

Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo

06/01/2017 06h00

A vaga mais desejada da Fórmula 1 para a temporada 2017 continua aberta, uma vez que a Mercedes ainda não confirmou quem será o substituto de Nico Rosberg, que surpreendeu ao anunciar sua aposentadoria dias após a conquista de seu primeiro título mundial.

Caso o time que venceu com folga os últimos três campeonatos escolha Valtteri Bottas, que surgiu como principal candidato à vaga, Felipe Massa, que anunciara o fim de sua carreira na categoria ano passado, pode voltar assumindo o posto do finlandês na Williams. Mesmo sem a confirmação do negócio, o grid já tem várias mudanças confirmadas.

Confira quem está de casa nova na F-1 em 2017:

Stoffel Vandoorne na McLaren: o belga deixou uma boa impressão ao pontuar no GP em que substituiu Fernando Alonso, no Bahrein, após o acidente do espanhol na Austrália. Chega ainda com a bagagem de um título fácil na GP2 em 2015 e muitas horas no simulador da equipe. Vale lembrar que será a segunda vez que Alonso vai correr ao lado de um estreante na McLaren. Na primeira, em 2007, deu Hamilton nos critérios de desempate.

Lance Stroll na Williams: o canadense de 18 anos é considerado o estreante mais bem preparado desde o compatriota Jacques Villeneuve. Mesmo vindo direto da F-3, em que venceu o campeonato com sobras ano passado, o piloto contou com um extenso programa de testes com um carro comprado por seu pai, o bilionário Lawrence Stroll.

Nico Hulkenberg na Renault: considerado piloto talentoso, o alemão vai para sua sétima temporada na F-1 ainda em busca do primeiro pódio. Após três temporadas na Force India, foi escolhido pela Renault para liderar o projeto da montadora. O time tem tudo para crescer após um ano de transição, mas ainda é cedo para dizer se o vencedor das 24h de Le Mans de 2015 deu um passo à frente ou não.

Kevin Magnussen na Haas: o dinamarquês, que apareceu na McLaren mas foi demitido no final de 2014, não teve um bom ano na Renault e terminou o ano sendo superado pelo fraco Jolyon Palmer, mas ainda assim ganhou uma terceira chance na F-1 em um time que começou bem, mas sofreu muito com a falta de experiência em 2016.

Esteban Ocon na Force India: o francês, que não tinha um cockpit no início do ano passado, foi quem mais ganhou na dança das cadeiras do meio do pelotão. Apoiado pela Mercedes, ganhou na disputa interna com Pascal Wehrlein e ficou com a vaga na equipe que terminou o mundial passado na quarta colocação.

Apenas três das 22 vagas no grid seguem abertas, uma vez que a Manor ainda não anunciou quais serão seus pilotos e que a Sauber ainda não confirmou oficialmente a contratação de Pascal Wehrlein.

A Manor, que possui o menor orçamento do campeonato, uma vez que foi o último colocado em 2016, anunciou nesta sexta-feira que entrou em processo de insolvência e tem sua participação no campeonato ameaçada, embora continue buscando compradores. A temporada começa dia 26 de março, na Austrália.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
AFP
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Topo