Fórmula 1

Sauber confirma alemão na vaga de Nasr e aumenta expectativa sobre Mercedes

Getty Images/Alexander Hassenstein
Wehrlein correrá na Sauber em 2017 Imagem: Getty Images/Alexander Hassenstein

Do UOL, em São Paulo

16/01/2017 10h19

Assim como já tinha adiantado no começo de janeiro, a Sauber oficializou o alemão Pascal Wehrlein como piloto para a temporada de 2017 da Fórmula. Ele será o substituto do brasileiro Felipe Nasr, que segue sem equipe na categoria.

A outra vaga na equipe continua com o sueco Marcus Ericsson, que em 2016 não pontuou na temporada. Nasr conseguiu dois pontos com a nona colocação no GP do Brasil.

A confirmação de Wehlein, que disputou a última temporada pela Manor, ajuda a encaixar as últimas peças do mercado de pilotos para a temporada 2017. O piloto alemão, ligado à Mercedes, ainda tinha chances remotas de ficar com o lugar de Nico Rosberg no time tricampeão do mundo.

Com a confirmação do time suíço, espera-se que as demais trocas - a ida de Valtteri Bottas para a Mercedes e o retorno de Felipe Massa à Williams - sejam anunciadas em breve.

As tentativas da Mercedes de colocar Wehrlein na Sauber ficaram claras desde que Toto Wolff foi visto conversando com a chefe do time suíço, Monisha Kaltenborn no paddock do GP do Brasil, em novembro. O anúncio do negócio era esperado ainda para dezembro, mas a surpreendente aposentadoria de Rosberg, divulgada apenas cinco dias após a conquista do título, colocou em dúvida o futuro de Werhlein. A Mercedes, contudo, julgou que o piloto de 22 anos é jovem demais para ser companheiro de Lewis Hamilton no time principal.

A Sauber deve ter um ano difícil em 2017, uma vez que optou por continuar usando o motor Ferrari do ano passado, enquanto todas as demais terão unidades de potência novas. Ainda assim, o ex-piloto da Manor disse que sua expectativa é “estabelecer a equipe no meio do pelotão e marcar pontos de forma regular. Quero agradecer a Sauber por continuar em mim e me dar essa grande chance. E claro, também agradecer à Mercedes pelo apoio.”

Trata-se de uma meta ambiciosa para uma equipe que fechou o ano com apenas dois pontos, marcados justamente por Nasr sob forte chuva no GP do Brasil.

Cogita-se, contudo, que o negócio com Werhlein possa ser bastante lucrativo para a equipe, pois garantiria o uso dos motores Mercedes a partir de 2018. Isso não foi confirmado ainda, muito em função da necessidade dos demais times terem de aceitar que os alemães tenham mais uma cliente.

Kaltenborn, por sua vez, destacou o talento demonstrado pelo alemão desde que foi campeão da DTM, campeonato de turismo do país. “E ano passado, em sua temporada de estreia, ele provou seu potencial ao marcar um ponto no GP da Áustria. Está claro que há mais por vir e queremos dar a chance para que ele cresça mais e aprenda no topo do automobilismo. Estou confiante de que Marcus [Ericsson, que segue no time] e Pascal são uma combinação sólida para 2017.”

Em relação a Nasr, qualquer chance de permanecer no grid depende do sucesso na tentativa de venda da Manor, que recentemente declarou estado de falência. O time teria recebido uma nova proposta, mas seu futuro segue indefinido. Outra opção para o brasileiro é tentar uma vaga como terceiro piloto.

Quer receber notícias da Fórmula 1 de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
AFP
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Topo