Fórmula 1

Diretor da Mercedes está prestes a ser tornar 'superchefe' na Williams

Andrew Hone/Getty Images
Imagem: Andrew Hone/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

01/02/2017 12h58

A novela envolvendo o engenheiro considerado um dos responsáveis pelo domínio da Mercedes nos últimos anos parece ter chegado ao fim: a Williams estaria prestes a anunciar a chegada de Paddy Lowe, com um papel de muito mais influência do que tinha nos atuais tricampeões do mundo.

O ex-diretor técnico do time alemão, que teve seu nome ligado à Ferrari ano passado e cujo contrato terminou ao final de 2016, começaria a trabalhar em março na equipe de Felipe Massa, após uma negociação que está “sendo finalizada” de acordo com o time.

Aos 54 anos, Lowe volta ao time no qual ganhou notoriedade, ainda no início dos anos 1990, atuando na área de suspensão ativa, grande trunfo das Williams que dominaram a F-1 e deram títulos a Nigel Mansell e Alain Prost.

Em seu retorno ao time, Lowe ganharia um status de ‘superchefe’ da área técnica, comandando também a Williams Advanced Engineering, que comanda projetos dentro e fora da categoria, além de se tornar acionista da companhia. Atualmente, as ações estão divididas entre Frank Williams (51%), Brad Hollinger (15%), Patrick Head (9%) e um fundo de funcionários (4%), além dos 21% que estão na bolsa de valores de Frankfurt.

Head, um dos fundadores da Williams nos anos 1970, confirmou as negociações, que estariam demorando justamente pelas ambições de Lowe, que não se contentaria apenas em exercer o papel de diretor técnico.

“As discussões ainda estão ocorrendo e até que haja uma assinatura não há nada que seja mera formalidade”, disse à BBC. “Mas seria bom para a Williams tê-lo.”

Mesmo que o contrato seja finalizado, ainda não se sabe quando Lowe poderá, efetivamente, começar a trabalhar na Williams. É comum na Fórmula 1 os principais engenheiros ficarem impossibilitados de assumir novos cargos alguns meses após deixar uma equipe, e tal período varia. A intenção é que o profissional não carregue segredos de um time para o outro. Lowe deixou oficialmente a Mercedes dia 10 de janeiro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
UOL Esporte
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo