Topo

Fórmula 1

Vettel mostra força da Ferrari e companheiro de Massa bate em Melbourne

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Melbourne (AUS)

25/03/2017 00h58

Depois de uma performance tímida nos primeiros treinos livres, a Ferrari finalmente demonstrou a força que vinha preocupando Lewis Hamilton desde a pré-temporada. Sebastian Vettel fez a volta mais rápida do final de semana para liderar o terceiro e último treino livre para o GP da Austrália, que abre a temporada 2017 da Fórmula 1.

Sem conseguir fazer sua simulação de classificação devido a um acidente com seu companheiro que encerrou prematuramente a sessão, Felipe Massa foi o 11º.

Vettel usou os pneus ultramacios para fazer 1min23s380 e ser quase meio segundo mais rápido que as Mercedes. Hamilton, que dominara a sexta-feira, foi o terceiro colocado, atrás também de seu novo companheiro Valtteri Bottas. O finlandês melhorou seu desempenho após passar todo o primeiro dia de atividades andando a quase seis décimos do inglês. Os dois pilotos da Mercedes, contudo, usaram os supermacios, menos aderentes e rápidos que o composto utilizado pelo alemão da Ferrari.

Kimi Raikkonen, também da Ferrari, foi o quarto, enquanto as Red Bull pareceram cair de rendimento em relação à sexta-feira. Particularmente Max Verstappen, 12º colocado no treino, reclamou bastante de uma mudança no equilíbrio de seu carro.

Reprodução
Imagem: Reprodução
Quem também teve problemas foi Lance Stroll, companheiro de Felipe Massa na Williams. O canadense vem tendo uma estreia difícil, andando constantemente mais de meio segundo mais lento que o brasileiro. Com 10 minutos para o final, Stroll bateu e acabou gerando o fim da sessão, atrapalhando bastante os pilotos, pois o incidente ocorreu em um momento crucial do treino. 

O novato entrou forte demais na curva 10 e acabou batendo com os pneus traseiro e dianteiro direitos no muro. Quando bateu Stroll era o 17º, andando mais de nove décimos mais lento Massa. A Williams confirmou que o câmbio do carro do canadense precisará ser trocado, o que significa uma punição de 5 posições na classificação.

A sessão também marcou a estreia de Antonio Giovinazzi no final de semana. O italiano vai substituir Pascal Wehrlein, que disse não se sentir em condições físicas de correr pela equipe Sauber após ter sua preparação atrapalhada por um acidente sofrido em janeiro.

A definição do grid de largada para o GP da Austrália está marcada para as 3h da madrugada do sábado e terá transmissão pelo SporTV, sendo que os últimos 15 minutos também serão mostrados pela Globo. A corrida tem largada às 2h com transmissão pela Rede Globo.

Confira a classificação do 3º treino livre:

1 - Sebastian Vettel (ALE) - Ferrari - 1min23s380 (12 voltas)
2 - Valtteri Bottas (FIN) - Mercedes - 1min23s859 (12 voltas)
3 - Lewis Hamilton (ING) - Mercedes - 1min23s870 (12 voltas)
4 - Kimi Raikkonen (FIN) - Ferrari - 1min23s988 (10 voltas)
5 - Nico Hulkenberg (ALE) - Renault - 1min25s063 (10 voltas)
6 - Daniel Ricciardo (AUS) - Red Bull - 1min25s092 (15 voltas)
7 - Romain Grosjean (FRA) - Haas - 1min25s581 (11 voltas)
8 - Carlos Sainz (ESP) - Toro Rosso - 1min25s948 (11 voltas)
9 - Daniil Kvyat RUS Toro Rosso-Renault - 1min26s049 (11 voltas)
10 - Kevin Magnussen DEN Haas-Ferrari - 1min26s138 (11 voltas)
11 - Felipe Massa (BRA) - Williams - 1min26s237 (15 voltas)
12 - Max Verstappen (HOL) - Red Bull - 1min26s269 (7 voltas)
13 - Sergio Perez (MEX) - Force India - 1min26s457 (12 voltas)
14 - Fernando Alonso ESP McLaren-Honda 1min26s556 (7 voltas)
15 - Stoffel Vandoorne BEL McLaren-Honda 1min26s699 (9 voltas)
16 - Esteban Ocon FRA Force India-Mercedes 1min27s103 (16 voltas)
17 - Lance Stroll CAN Williams - Mercedes 1min27s327 (12 voltas)
18 - Marcus Ericsson SWE Sauber - Ferrari 1min27s402 (10 voltas)
19 - Jolyon Palmer GBR Renault - Renault 1min28s320 (12 voltas)
20 - Antonio Giovinazzi (ITA) Sauber - Ferrari 1min28s583 (18 voltas)

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!