Topo

Fórmula 1

McLaren confirma e Jenson Button será o substituto de Alonso em Mônaco

Divulgação
Imagem: Divulgação

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Manama (Bahrein)

14/04/2017 05h58

Após o choque do anúncio de que Fernando Alonso vai trocar o GP de Mônaco pelas 500 Milhas de Indianápolis neste ano, correndo por um carro inscrito pela McLaren, em parceria com a Andretti e a Honda, o time confirmou que Jenson Button formará dupla com Stoffel Vandoorne na prova que será disputada dia 28 de maio.

“Estou animado em fazer esse retorno à F-1 por uma corrida. Não podia pensar em um lugar melhor”, disse o inglês, que mora no Principado. “Ganhei a corrida lá em 2009 e é uma das minhas pistas favoritas. É um circuito complicado em que o piloto pode fazer a diferença. E mesmo que o carro não tenha começado bem a temporada, acho que ele poderá se adaptar melhor a Mônaco”, ponderou.

“Eu sei que não tenho uma chance realista de repetir minha vitória de 2009, mas acho que teremos a oportunidade de marcar mais pontos, o que será muito valioso para a equipe para o campeonato de construtores. Em relação a Fernando, espero que ele não apenas se adapte bem, como curta as 500 Milhas. Será uma ótima experiência para ele”, prosseguiu o britânico, que afirmou que vai assistir à prova na TV. “Estou animado para isso também.”

Button era fortemente cotado desde o anúncio de Alonso por ser o substituto natural. O inglês está oficialmente ligado à McLaren, mas tirou um ano sabático em 2017, sendo substituído por Stoffel Vandoorne. Porém, o campeão de 2009 não tem qualquer experiência com o novo carro, completamente diferente em relação ao anterior, o que colocou dúvidas sobre seu retorno.

No Bahrein, onde a F-1 realiza sua terceira etapa neste final de semana, os rumores foram crescendo já na noite de quinta-feira dando conta de que Button havia aceitado o convite. O inglês dispensou a chance de se aclimatar com o carro nos testes que serão realizados no circuito de Shakhir na próxima semana. Segundo o chefe da McLaren, Eric Boullier,o piloto considera o traçado barenita muito diferente de Mônaco e não vê proveito em andar no teste. Ao invés disso, vai concentrar sua preparação no simulador do time. "Com a experiência que ele tem, em 10 voltas em Mônaco já estará andando no nível dos demais." 

As opções da McLaren eram limitadas, uma vez que o piloto escolhido deveria ser portador de uma superlicença para competir na F-1. Entre eles, estão nomes como  Sergey Sirotkin, Pierre Gasly e o piloto de desenvolvimento do time inglês Nyck de Vries, além do aposentado Mark Webber e de alguns pilotos da Indy, como Will Power, Ale x Rossi, Simon Pagenaud, Helio Castroneves, Juan Pablo Montoya e Scott Dixon. Mas os testes na F-1 são muito mais restritos do que na Indy e seria bastante complicado trazer qualquer um destes pilotos, também por questões comerciais.

A candidatura de Button já tinha recebido apoio no grid. “Espero que Jenson volte. Seria ótimo para o esporte tê-lo de volta”, disse Hamilton. “Ainda acho que ele é um dos melhores pilotos. Seu calibre é maior do que qualquer outro piloto poderia trazer para o esporte - calibre e experiência”, defendeu Hamilton.

Vandoorne, por sua vez, se mostrou indiferente em relação à escolha antes do anúncio. “No final das contas, a decisão não é minha. Tenho certeza de que a equipe tem a situação sob controle e vai escolher o cara certo. Para mim, não importa. Mas não vejo problema de Jenson voltar ao carro, pois ele só ficou por quatro corridas fora.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!