Fórmula 1

Sem peso da Red Bull, Sette Câmara estreia na F2 e se vê "mais perto da F1"

FIA F2 - Divulgação
Imagem: FIA F2 - Divulgação

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Manama (Bahrein)

15/04/2017 04h00

A Fórmula 1 está em sua terceira etapa da temporada, mas para a categoria que é o último degrau de preparação para jovens pilotos, o campeonato começa neste final de semana, no Bahrein. E será a primeira experiência do brasileiro Sergio Sette Câmara na rebatizada Fórmula 2, chamada até o ano passado de GP2.

O mineiro de 18 anos inicia uma nova fase na carreira depois de ser dispensado do programa de jovens pilotos da Red Bull no final do ano passado. Em entrevista exclusiva ao UOL Esporte, Sette Câmara acredita que os erros de 2016, quando estava na F-3 Europeia, o fortaleceram e coloca como meta melhorar a consistência e crescer junto com a equipe MP Motorsport.

UOL Esporte: Você está pulando da F-3 para a F-2 com apenas seis dias de testes na pré-temporada. Você se sente preparado?
Sergio Sette Câmara:
Sinto-me bem preparado. É pouco teste, mas é pouco teste para todo mundo. E acho que o final de semana na F-3 passa rápido, pois você tem um pneu que não lhe dá a oportunidade de melhorar se errar a primeira volta, o que favorece os pilotos experientes. Mas mesmo assim, eu trabalhei muito no simulador e acho que estou preparado. A equipe me deu bastante apoio, todo mundo que trabalhou comigo, principalmente na parte técnica que prepara para a pista, tentou me dar o máximo de informação base para que eu conseguisse chegar na pista e fazer meu trabalho bem.

UOL Esporte: Você estreia por uma equipe de meio do pelotão, mas que é composta por bons engenheiros e boa estrutura. Com quais objetivos vocês começam esta temporada?
Sette Câmara:
Eu não gosto de falar que a equipe que vou correr é média, mas é verdade. Pelo menos com relação aos resultados do ano passado. Eu acho que neste ano a dupla é boa, eu sou um estreante que não leva o time na direção errada e tenho um ritmo bom, e o Jordan [King, que faz sua terceira temporada na F-2] é um cara muito experiente. Vamos ver como vão se desenvolver as coisas neste ano, mas um objetivo realista, inicialmente, é ficar no top 8 pois, como há o grid inverso na corrida 2, é onde você tem de estar se quiser pontuar. Eu aprendi isso no ano passado [na F-3] pois meu campeonato foi com altos e baixos, nada consistente, isso faz a diferença.

UOL Esporte:  Ano passado, você era o Sette Câmara do programa da Red Bull, o próximo candidato brasileiro a chegar na Fórmula Agora você sente menos pressão depois que teve de replanejar a carreira?
Sette Câmara:
Ano passado foi complicado para mim porque a gente fez o que achou que era certo, mas o caminho que tomei na minha carreira foi ir direto para a Fórmula 3, pois tinha medo de voltar para o Renault 2.0, que é um carro menor, e por isso eu nunca tive a oportunidade de ir para um campeonato de nível mais fraco e dominar esse campeonato, o que dá uma maturidade diferente pro piloto. Se ele entra em um campeonato que é mais difícil do que ele pode fazer, ele tem que tomar cuidado para que a competitividade não abale ele e nem sua motivação, e a mesma coisa em um campeonato mais fraco, que pode ser apático para ele.

A estratégia minha foi mais um campeonato difícil e, consequentemente, você nunca passa por um ano em que você tem que ter resultado; você é o menos experiente, todo mundo é mais velho do que você. Este ano na Fórmula 3 foi o primeiro em que eu tinha que ter resultado, meus companheiros de equipe vinham da Fórmula 4, eles tinham menos experiência. Um deles não era tão rápido quanto eu mas ele já tinha feito um campeonato de F4 em que teve oportunidade de aprender e sentir qual que é o drama de ter que ir para a vitória e ele estava mais maduro neste aspecto. É o que faltou para mim no ano passado.

Na Red Bull para nenhum piloto é fácil, maioria dos pilotos consegue voltar disso e vir mais fortes porque você quer ter um algo a provar e tem menos peso. O que Importa é que estou mais próximo da Fórmula 1 este ano do que ano passado e em uma equipe que tem um ambiente bom.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Topo