Topo

Fórmula 1

Hamilton se recupera de largada ruim, supera Vettel e embola o campeonato

REUTERS/Juan Medina
Lewis Hamilton comemora no pódio em Barcelona: vitória e pressão sobre Vettel na classificação Imagem: REUTERS/Juan Medina

Do UOL, em São Paulo

14/05/2017 10h39

A alternância de êxitos entre Mercedes e Ferrari vai construindo uma das temporadas mais equilibradas dos últimos anos na Fórmula 1. Neste domingo, Lewis Hamilton superou o rival Sebastian Vettel em uma complicada prova no Grande Prêmio da Espanha, em Barcelona, acirrando a disputa pelo campeonato. Daniel Ricciardo, da Red Bull, completou o pódio, na terceira colocação.

A vitória do tricampeão mundial na Espanha pareceu ameaçada na largada. Enquanto alguns carros se estranhavam na primeira curva, o piloto da Mercedes acabou ficando para trás, graças a um movimento bem-sucedido de Vettel por dentro da primeira curva. No entanto, o inglês contou com bom trabalho de boxes e com o rendimento superior de seu carro, em cenário que o levou até a ultrapassagem na 44ª volta.  

Com a vitória, a segunda na temporada, Lewis Hamilton alcança os 98 pontos no Mundial de pilotos e diminui a folga de Vettel na liderança. O alemão da Ferrari agora aparece com 104 pontos.

A disputa da Fórmula 1 será retomada daqui a dois finais de semana, em 28 de maio, com a sexta etapa da temporada, programada para o circuito de Monte Carlo, no Grande Prêmio de Mônaco.

O vencedor: Lewis Hamilton

Vettel ultrapassou Hamilton e tomou a ponta logo de cara, numa largada confusa para quem vinha imediatamente atrás. Kimi Raikkonen (Ferrari, roda dianteira esquerda) e Max Verstappen (Red Bull, suspensão) acabaram colidindo na saída da reta e abandonaram a prova ainda na primeira volta.

Em seguida, Vettel conseguiu abrir alguma diferença na pista para Hamilton. No entanto, no retorno de sua segunda parada nos boxes, na volta 38, o alemão reapareceu na pista e teve que brigar roda a roda para evitar que o inglês recuperasse a primeira colocação.

A partir daí a Mercedes de Hamilton começou a render mais, e o inglês conseguiu a ultrapassagem logo na primeira tentativa, colocando por fora na reta, na volta 44. Em seguida, com supremacia técnica, administrou a vantagem. 

Felipe Massa: azar logo na largada

O brasileiro teve um pneu de sua Williams furado logo na largada, após toque na McLaren de Fernando Alonso, perdeu posições e precisou ir aos boxes para a troca. Felipe Massa voltou à disputa em 18º lugar e teve de fazer uma corrida de recuperação, muito tempo atrás dos primeiros colocados.

Na pista, Massa conseguiu superar alguns adversários, mas voltou a ter problemas. O brasileiro foi tocado pela McLaren de Stoffel Vandoorne em uma disputa de posição, reclamou do belga e precisou retornar aos boxes. No fim, piloto da Williams acabou somente na 13ª colocação, uma posição atrás de Fernando Alonso.

A barbeiragem: Bottas provoca incidente na largada

REUTERS/Albert Gea
Imagem: REUTERS/Albert Gea

O finlandês da Mercedes acabou tocando em Kimi Raikkonen na largada e provocou o choque entre o compatriota e a Red Bull de Max Verstappen.  Os dois últimos acabaram deixando a corrida logo na primeira volta, enquanto Bottas seguiu na pista, até abandonar na segunda metade, com problemas de motor.

A manobra

Na volta de uma parada nos boxes, Sebastian Vettel acabou passando algumas voltas atrás de Valtteri Bottas. O finlandês da Mercedes ofereceu resistência ao adversário da Ferrari, que retomou a ponta graças a uma ultrapassagem técnica no final da reta principal, retardando a freada e colocando sua Ferrari por dentro.

Galvão corneta Lance Stroll

O narrador da Globo voltou a criticar o desempenho do novato da Williams, que pagou para estrear na principal categoria do automobilismo mundial. Enquanto a transmissão flagrava o canadense ameaçado por uma Sauber, Galvão Bueno comentou: "Depois não digam que eu estou com cisma com o Stroll. Ele está sendo atacado por uma Sauber, um dos carros mais frágeis da temporada".

Jovem fã da Ferrari chora com abandono de Raikkonen

Reprodução
Imagem: Reprodução

Um garoto foi flagrado pela transmissão oficial da Fórmula 1 chorando copiosamente após o abandono do finlandês Kimi Raikkonen, logo na primeira volta. Mais adiante, o jovem fã da Ferrari reapareceu nos boxes da escuderia, desta vez sorrindo ao lado de seu ídolo. 

Classificação da corrida

1 – Lewis Hamilton (GBR) - Mercedes - 1h35m56s497 (66 voltas)
2 – Sebastian Vettel (ALE) - Ferrari – a 3s490
3 – Daniel Ricciardo (AUS) - Red Bull – a 1m1s782
4 – Sergio Pérez (MEX) – Force India – a 1 volta
5 – Esteban Ocon (FRA) – Force India – a 1 volta
6 – Nico Hulkenberg (ALE) - Renault – a 1 volta
7 – Carlos Sainz Jr. (ESP) – Toro Rosso – a 1 volta
8 – Pascal Wehrlein (ALE) - Sauber – a 1 volta
9 – Daniil Kvyat (RUS) – Toro Rosso – a 1 volta
10 – Romain Grosjean (FRA) - Haas – a 1 volta
11 - Marcus Ericsson (SUE) - Sauber  – a 2 voltas
12 - Fernando Alonso (ESP) - McLaren – a 2 voltas
13 - Felipe Massa (BRA) - Williams– a 2 voltas
14 - Kevin Magnussen (DIN) - Haas – a 2 voltas
15 - Jolyon Palmer (GBR) - Renault – a 2 voltas
16 - Lance Stroll (CAN) - Williams – a 2 voltas
17 - Valtteri Bottas (FIN) - Mercedes – abandono na 39ª volta
18 - Stoffel Vandoorne (BEL) – McLaren – abandono na 34ª volta
19 - Kimi Raikkonen (FIN) - Ferrari – abandono na primeira volta
20 - Max Verstappen (HOL) - Red Bull – abandon na primeira volta 

 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!