Topo

Fórmula 1

Button recebe punição por batida, mas pode não voltar à F1 para cumpri-la

AFP
Britânico perderá três posições no grid em sua próxima corrida, que poderá não acontecer Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

29/05/2017 17h07

Jenson Button foi punido pelos comissários do Grande Prêmio de Mônaco e perderá três posições no grid de largada em sua próxima corrida na Fórmula 1 – que ninguém sabe quando será.

No último final de semana, o britânico correu pela McLaren na vaga de Fernando Alonso, que pediu licença para disputar as 500 Milhas de Indianápolis. Em seu retorno à equipe, Button largou na nona posição, mas abandonou após uma colisão com a Sauber de Pascal Wehrlein na 57ª volta.

O incidente foi avaliado pelos comissários após a corrida. Em comunicado oficial, Button foi considerado culpado pelo toque.

“Tendo revisado todos os ângulos do vídeo, os comissários concluíram que Wehrlein estava em trajetória de corrida, e que o movimento de Button seria incapaz de resultar em uma ultrapassagem limpa”, diz a nota.

Por isso, Button recebeu uma punição de três posições no grid da próxima corrida que disputar, além de somar dois pontos em sua licença. O problema é que o britânico devolverá o assento da McLaren a Fernando Alonso na próxima etapa do calendário, no Canadá. A punição é pessoal e intransferível – logo, não poderá ser aplicada a Alonso.

A pena só seria aplicada caso Jenson Button retornasse à Fórmula 1. Embora a possibilidade seja remota, o britânico ainda tem contrato com a McLaren até o fim de 2018, e pode ressurgir no time como tapa-buraco caso Fernando Alonso opte por deixar o time no fim de 2017.