Fórmula 1

Vettel fazia guerras de papel e competia até no metrô, relembra brasileiro

Divulgação
Átila Abreu e Sebastian Vettel no início de carreira, na Fórmula BMW Imagem: Divulgação

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

03/07/2017 04h00

O chamado “inferno astral”, período de um mês antes do aniversário, trouxe um junho complicado para Sebastian Vettel, com a polêmica envolvendo Lewis Hamilton. Nesta segunda-feira (3), porém, o alemão chega aos 30 anos tentando deixar as controvérsias para trás e voltar ao estilo que por anos foi sua marca: o das brincadeiras.

Na Fórmula 1, o alemão sempre arrancou sorrisos com os nomes escolhidos para seus carros – o da atual temporada é “Gina”. O estilo brincalhão, porém, não vem de agora. Rival e mais tarde companheiro de equipe de Vettel no início da carreira, o brasileiro Átila Abreu lembrou das constantes brincadeiras feitas pelo alemão, que incluíam até guerra de papel com os pilotos.

“Ele sempre foi muito brincalhão. Várias vezes pegávamos metrô e ele apostava para ver quem saía do vagão e conseguia entrar no vagão mais longe sem perder o trem. Até fazia guerrinha de papel higiênico com os pilotos”, contou ao UOL Esporte.

O jeito brincalhão andava junto com outra característica de Sebastian Vettel: a competitividade. Não importava o que fosse, o alemão sempre tinha que ser o vencedor, lembra Átila.

“A gente viajava junto. E era sempre uma briga em tudo. Vai pedalar, fazia competição para ver quem pedalava mais, depois para ver quem corria mais. Sempre um clima de muita competição”.

Sebastian Vettel e Átila Abreu foram adversários nas temporadas 2003 e 2004 da Fórmula BMW. No segundo ano, o alemão engatou uma sequência de 14 vitórias consecutivas e ficou com o título, com o brasileiro terminando na segunda colocação.

Já em 2005, correram juntos na mesma equipe na Fórmula 3, a alemã ASL Mücke Motorsport. O título, porém, ficou com o inglês Lewis Hamilton, atual adversário de Vettel pelo Mundial da Fórmula 1.

“Nós dois fazíamos parte do programa de desenvolvimento da BMW, então convivíamos bastante, mas sempre tinha um clima de competição dentro das pistas. Depois passamos a ser companheiro de equipe, e convivemos no clima ‘ok, somos concorrentes, mas vamos ajudar na evolução do carro’”, relembra Átila.

Estilo “reclamão” surpreende brasileiro

F1/oficial
Imagem: F1/oficial

No último Grande Prêmio de Fórmula 1, no Azerbaijão, o estilo brincalhão de Sebastian Vettel deu lugar a outra postura do alemão: a de reclamão. Incomodado com o que achou ser uma freada proposital de Lewis Hamilton, o tetracampeão mundial jogou sua Ferrari para cima do inglês, o que lhe rendeu uma punição de 10 segundos e acabou com suas chances de vitória.

“Esses últimos acontecimentos me surpreenderam bastante, porque não era muito Vettel que eu conheci, era outra personalidade”, afirmou Átila. “Mas as pessoas mudam, a gente nunca sabe qual é a pressão que ele está sofrendo, o clima dentro da equipe”.

Mesmo com o incidente no Azerbaijão, Vettel segue na liderança do Mundial de Pilotos da Fórmula 1. O alemão tem 153 pontos, contra 139 de Lewis Hamilton. A próxima etapa da temporada será na Áustria, no dia 9 de julho.

Já Átila Abreu atualmente compete na Stock Car. O paulista terminou a Corrida do Milhão, no último domingo (2), na 20ª colocação e ocupa a quinta posição na classificação da categoria, com 111 pontos, contra 142 do líder Daniel Serra.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo