Topo

Fórmula 1

Button revela ter conversado com a Williams sobre retorno à equipe em 2017

Paulo Whitaker/Reuters
Britânico correu pela equipe em 2000 e chegou a conversar sobre retorno em "três ou quatro" ocasiões Imagem: Paulo Whitaker/Reuters

Do UOL, em São Paulo

26/07/2017 18h25

Jenson Button estreou na Fórmula 1 em 2000 pela Williams. E, embora tenha corrido pela equipe apenas por um ano, esteve perto de voltar algumas vezes – inclusive em 2017.

A informação foi divulgada pelo próprio Button. Em entrevista à CNN, o britânico disse que conversou com a equipe a respeito de um retorno para a atual temporada, mas optou por não negociar.

“Eu quase voltei à Williams três ou quatro vezes. Falei com a Williams sobre correr com eles neste ano umas duas vezes. Falei com eles no ano passado e neste ano, mas já passou o tempo para mim”, contou o campeão da temporada 2009 da categoria, elogiando a escuderia.

“Começar a carreira na Williams foi muito especial, especialmente tendo Frank (Williams) e Patrick (Head) à frente do time. Eles sempre terão lugar na Fórmula 1. A grande coisa a respeito da Williams é que não se trata de uma fabricante: é uma equipe que corre porque ama correr”, completou.

Button chegou a ser cotado para correr ao lado de Lance Stroll em 2017, diante do anúncio de aposentadoria de Felipe Massa. O brasileiro permaneceu após o acerto de Valtteri Bottas com a Mercedes.

Ao longo da carreira, Button correu por Williams (2000), Benetton (2001), Renault (2002), BAR (2003 a 2005), Honda (2006 a 2008), Brawn GP (2009) e McLaren (2010 a 2017). Em 2017, mesmo afastado do grid, disputou o GP de Mônaco no lugar de Fernando Alonso.