Fórmula 1

Hamilton defende Vettel depois de acidente em Cingapura: "Ponto cego"

AP Photo/Yong Teck Lim
Sebastian Vettel, Max Verstappen e Kimi Raikkonen abandonam após batida na largada do GP de Cingapura Imagem: AP Photo/Yong Teck Lim

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Cingapura (CIN)

19/09/2017 01h08

Depois de descrever o acidente da primeira curva que tirou seu rival na disputa pelo título, Sebastian Vettel, além de Max Verstappen e Kimi Raikkonen do GP de Cingapura como “um incidente de corrida infeliz”, Lewis Hamilton saiu em defesa do piloto da Ferrari, dizendo que o tetracampeão pode ter coberto de forma agressiva o lado de dentro da primeira curva, diminuindo o espaço de Verstappen e Raikkonen, simplesmente por não ter boa visibilidade.


“Muitas vezes, quando você larga, não consegue ver o cara que está em segundo. Eles geralmente estão em seu ponto cego se têm uma largada tão boa quanto você, e é difícil saber onde eles estão”, explicou.

“Então o pensamento imediato é cobrir, ir para o lado de dentro e cobrir, e acredito que é isso que ele fez. Quando você faz isso, de repente eles aparecem no seu espelho e você entende onde eles estão, ou eles podem estar em sua visão periférica, mas às vezes você faz isso e percebe que nem precisava.”

Nas entrevistas que deu logo depois do abandono, que permitiu que Hamilton vencesse e abrisse 28 pontos na liderança do campeonato com seis provas para o fim, Vettel disse que não sabia que Raikkonen vinha por dentro, e que tentou cobrir o ataque de Verstappen.

Hamilton afirmou ainda que o fato de estar um pouco atrás da confusão lhe deu a chance de buscar um posicionamento que evitasse qualquer choque.

“Não sei se esse foi o caso do Sebastian. Estava focando em tentar ser mais rápido que Daniel [Ricciardo]. Eu vi Kimi, então estava de olho no que estava acontecendo do meu lado esquerdo e se acontecesse algum drama eu iria reto na primeira curva para não ser envolvido.”

Mas o inglês acabou tendo sorte, com os carros desgovernados de Raikkonen e Verstappen passando logo atrás dele e atingindo Fernando Alonso, que adotou linha semelhante ao piloto da Mercedes, mas vinha mais atrás.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
AFP
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
UOL Esporte vê TV
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Topo