Fórmula 1

Com direito a febre e ponto sofrido, GP da Malasia é marcado por estreias

Clive Rose/Getty Images
GP da Malásia de 2003 marcou primeira vitória e Raikkonen e primeiro pódio de Alonso Imagem: Clive Rose/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Sepang (MAL)

29/09/2017 04h04

O primeiro ponto de Felipe Massa. A primeira pole Fernando Alonso. A primeira vitória de Kimi Raikkonen. O primeiro pódio de Jenson Button e de Sergio Perez. A primeira vitória de Vettel pela Ferrari. Desde 1999, quando entrou no calendário, o GP da Malásia criou uma coleção de estreias na F-1. E algumas histórias que ficaram marcadas na memória dos pilotos, como contou Alonso.

E algumas histórias que ficaram marcadas na memória dos pilotos, como contou Alonso, que fez a pole e também conquistou o primeiro pódio em 2003, mesmo estando com febre na corrida que é considerada a mais dura fisicamente do campeonato.

“Primeiro eu fiz a pole position no sábado e depois eu tive febre. A noite de sábado foi difícil, lembro de ir ver um médico no aeroporto em Kuala Lumpur para checar o que estava acontecendo porque minha temperatura estava muito alta e eu não conseguia dormir. A corrida foi muito dura, muito longa, mas conseguimos nosso primeiro pódio da minha carreira, então foi um final de semana muito especial.”

Massa é outro que lembra com carinho de quando foi o sexto colocado com uma Sauber em 2002, em sua segunda corrida na F-1.

“Lembro que foi uma corrida muito difícil porque a gente não tinha um carro muito competitivo. Mas foi uma prova maravilhosa, consegui aproveitar a oportunidade com alguns carros que tiveram problemas. Aquela era minha primeira corrida na realidade porque na primeira mesmo me jogaram para fora na primeira curva. Então, na verdade, consegui fazer ponto na minha primeira corrida pela Sauber, ainda mais em uma prova muito importante para eles porque o patrocinador principal na época era da Malásia.”

Bem ao seu estilo, Raikkonen diz lembrar da primeira vitória em 2003, mas lembra que viveu muitas outras experiências de lá para cá.

“Obviamente eu lembro, foi um ótimo dia. Mas também tive outros ótimos dias aqui e outros não tão bons. Mas isso é normal quando você vai várias vezes para um mesmo lugar.”

Neste final de semana, o GP da Malásia será o palco da estreia do francês Pierre Gasly, que deve ficar com a vaga de Carlos Sainz na Toro Rosso ano que vem. O espanhol já acertou com a Renault.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo