Topo

Fórmula 1

Oitavo no grid em Suzuka, Massa comemora "volta perfeita" na classificação

Lars Baron/Getty Images
Felipe Massa, da Williams Imagem: Lars Baron/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Suzuka (JAP)

07/10/2017 05h31

Felipe Massa saiu satisfeito da classificação para o GP do Japão e acredita que tirou o máximo de sua Williams para ficar com a oitava colocação do grid. E lembrou que sua volta neste sábado, de 1min29s480, foi inclusive melhor do que quando fez a pole position em Suzuka, em 2006.

“Estou bem feliz, acho que consegui fazer boas voltas durante toda a classificação. Melhor do que isso era impossível. No meu Q3, fiz uma volta perfeita, acho que seria impossível conseguir algo melhor com o nosso carro”, disse Massa ao UOL Esporte.

“Lembro que, em 2006, eu fiz a pole aqui virando 1min29s599, e agora eu fiz uma volta parecida. Então não poderia ser melhor que isso.”
Para a corrida, a meta de Massa é lutar com as Force India, que largam em quinto e sexto lugares. Os dois devem ser superados por Valtteri Bottas, que larga em sétimo devido a uma punição pela troca de câmbio e, embora tenham mostrado ritmo ligeiramente superior na classificação, a tendência é que a Williams melhore na corrida.

“A ideia é tentar estar na briga com eles e esse é o caminho para a corrida. Vamos ver o que a gente consegue fazer. Ninguém conseguiu preparar o carro para a corrida, mas é igual para todo mundo”, lembrou Massa.

De fato, as equipes tiveram pouco tempo para preparar os carros para a corrida: o treino mais importante, da tarde de sexta-feira, único realizado no mesmo horário da prova, foi totalmente comprometido pela chuva.

A largada do GP do Japão será às 2h da madrugada de domingo pelo horário de Brasília.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!