Topo

Fórmula 1

Em primeira votação, Câmara aprova privatização do autódromo de Interlagos

Bruno Santos/ Folhapress
Vista parcial do autódromo de Interlagos Imagem: Bruno Santos/ Folhapress

Do UOL, em São Paulo

08/11/2017 18h59

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quarta-feira, em primeira votação, a privatização do autódromo de Interlagos, palco do GP do Brasil de Fórmula 1, que será disputado neste domingo.

Foram 37 votos favoráveis, nove contrários e uma abstenção. Os vereadores ainda realizarão uma segunda votação do projeto, o que deverá ocorrer na próxima semana. Caso avance novamente, irá para ser sancionado pelo prefeito João Dória (PSDB).

A área onde fica Interlagos, com quase 1 milhão de metros quadrados, exige que o atual circuito seja mantido. Mas, na prática, a exploração da área pela iniciativa privada depende de um outro projeto de lei, ainda em elaboração.

Inaugurado em 1940 e rebatizado em 1985, o Autódromo José Carlos Pace recebe a etapa brasileira da Fórmula 1 ininterruptamente desde 1990. Segundo a SPTuris, que administra o espaço, o evento injeta cerca de R$ 260 milhões na economia local.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!