Topo

Fórmula 1

Com "coração batendo forte", Massa chega ao GP Brasil para sua despedida

Mark Thompson/Getty Images
Felipe Massa antes do GP do Japão Imagem: Mark Thompson/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo

09/11/2017 14h11

Agora é para valer: Felipe Massa chegou nesta quinta-feira em Interlagos para sua última corrida como piloto da Fórmula 1 no GP do Brasil - o adeus final será em Abu Dhabi. E, embora não espere uma despedida como a que teve ano passado, com direito a aplausos de pé até mesmo de adversários, o brasileiro admite que é difícil segurar a emoção.

“O coração, sem dúvida, está batendo forte”, disse Massa ao UOL Esporte. “É legal sentir a emoção de estar correndo aqui, o carinho da torcida - agora pela última vez na F-1. Tomara que a gente tenha um ótimo final de semana pela frente. É o que eu espero e é pelo que vou lutar para este final de semana tão especial.”

Perguntado sobre qual sua sensação depois de ter decidido não esperar por uma definição da Williams para o ano que vem, decidindo antes do GP do Brasil anunciar o fim da carreira, Massa demonstrou certo alívio com o fim das incertezas que marcaram os últimos meses.

“Pilotando, eu estive tranquilo o tempo todo. É lógico que, às vezes, algumas coisas acontecem e elas não estão no caminho que você enxerga como o melhor. Mas agora nada mais disso importa, e sim curtir essas duas corridas.”

O piloto de 36 anos ainda se mostrou animado com suas possibilidades para o futuro. “Quando você encerra uma carreira na F-1, não quer dizer que a carreira acabou. Há outras categorias para correr, outras coisas para fazer na vida, cuidar de você mesmo. No final, estou bastante otimista e feliz com minha nova parte da vida.”

Sobre a despedida em Interlagos, o piloto não tem expectativas de repetir os momentos emocionantes do ano passado, quando deveria ter feito seu último GP Brasil e recebeu várias homenagens. Porém, elas aconteceram depois que o piloto abandonou, em uma batida quando chovia muito em Interlagos. Desta vez, ele quer algo mais simples. E um resultado melhor.

“Quero curtir de uma maneira diferente, chegar até o final, ter um bom resultado. O que aconteceu ano passado já foi o suficiente.”

Mesmo que a temporada da F-1 esteja definida, a Williams ainda luta com Toro Rosso e especialmente Renault pela quinta colocação no campeonato de construtores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!