Topo

Fórmula 1

Diretor da Williams elogia Massa e explica por que brasileiro não renovou

Dan Mullan/Getty Images
Paddy Lowe é diretor técnico da Williams Imagem: Dan Mullan/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo

16/11/2017 04h00

A segunda aposentadoria de Felipe Massa não era um desejo do piloto, mas acabou sendo inevitável depois que a Williams deixou claro que não fecharia sua dupla antes do GP do Brasil, como queria o brasileiro. Afinal, Massa não queria disputar sua última corrida em casa com o futuro indefinido, e optou por se retirar da briga.

Um dos motivos para tal era que ele não se sentia prioridade e sabia que o grande postulante a companheiro de Lance Stroll no ano que vem, Robert Kubica, havia recebido uma proposta antes mesmo do final de semana do GP do México. O polonês deve ainda fazer mais um teste pelo time, agora com o carro de 2017 - o anterior foi com o modelo de 2014 - depois do GP de Abu Dhabi, busca voltar à F-1 depois de sete anos.

Em entrevista exclusiva ao UOL Esporte, o diretor técnico da Williams, Paddy Lowe, explica essa indefinição da equipe e elogia a performance de Massa neste que foi seu primeiro ano na equipe, depois de ser contratado a peso de ouro junto à Mercedes.

UOL ESPORTE: Após tantos anos na F-1, esta foi a primeira vez que você trabalhou com Massa. Houve algo que surpreendeu em relação ao seu trabalho?
PADDY LOWE:
Já via o trabalho de Felipe à distância, particularmente no ano em que ele disputou o campeonato com Lewis, pilotando muito bem, e eu na época estava na McLaren. Então sempre o respeitei muito, mesmo nunca tendo trabalhado com ele em todos esses anos. Foi bom trabalhar com ele e compreender que ele realmente é um grande piloto, muito sólido e rápido.

UOL ESPORTE: Você o consideraria um bom piloto para desenvolver o carro?
PADDY LOWE:
Acho que um piloto que é bom para o desenvolvimento do carro é aquele que sempre vira rápido. É disso que você precisa. A parte de engenharia tem que ficar com os engenheiros. Então, neste sentido, Felipe é ótimo. Dependemos muito dele neste ano, principalmente na primeira parte do ano, pois tínhamos Lance como estreante no outro carro, então precisávamos de uma referência para saber onde o carro realmente estava.

UOL ESPORTE: Felipe deixou claro especialmente nas últimas semanas que se sentia deixado de lado pela equipe, que não o colocaria como primeira opção para continuar. O que faltou para ele ser a prioridade do time?
PADDY LOWE:
Não colocaria dessa maneira. Estávamos com a cabeça aberta e tínhamos várias opções diferentes - e ainda temos. E Felipe definitivamente era uma de nossas opções. Mas ele precisava de um anúncio antes do GP do Brasil e isso não condizia com nosso processo e por isso ele deixou de ser levado em consideração.

UOL ESPORTE: Quais as qualidades que a Williams busca para o companheiro de Stroll?
PADDY LOWE:
Um piloto é uma parte muito importante da equipe - provavelmente a parte mais importante. Claramente, a performance está no topo da lista. Isso é fundamental.

UOL ESPORTE: Em relação ao prazo para decidir, a Williams está em uma boa posição porque o grid está praticamente fechado [só Sauber e Toro Rosso ainda não anunciaram, mas devem ficar com pilotos de desenvolvimento de Ferrari e Red Bull]. Até quando vocês vão esperar?
PADDY LOWE:
Temos basicamente a última vaga ainda sobrando e isso nos dá mais tempo para decidir. Mas tomaremos uma decisão assim que pudermos porque é melhor entrar no inverno [europeu] com algum tipo de certeza e um plano que possamos desenvolver juntos. Então não vamos esperar até fevereiro. Isso é certeza.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!