Fórmula 1

Hamilton vê McLaren forte em 2018 e relembra presente da família de Senna

Mark Thompson/Getty Images
Hamilton vê a Mercedes com uma maior concorrência na próxima temporada da Imagem: Mark Thompson/Getty Images

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/12/2017 13h58

Poucas semanas depois de conquistar o tetracampeonato mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton já pensa no próximo ano. Em entrevista concedida à BBC, o piloto britânico prevê a concorrência de até três equipes na briga pelo campeonato de construtores na próxima temporada, contou os planos para as férias e ainda usou as redes sociais para se recordar da emoção de agora ter um capacete de Ayrton Senna, seu ídolo, em casa.

Sobre o ano que vem, Hamilton imagina que a tranquilidade da Mercedes irá terminar. Até a McLaren, de desempenho pífio nos últimos anos, é tratada como uma aposta pelo tetracampeão mundial.

“McLaren vai ter motores da Renault, então nós podemos ver quatro escuderias brigando pelo campeonato. Red Bull vai ser mais rápida do que neste ano e a Ferrari vai continuar rápida. Nós não podemos manter o desempenho deste ano, precisaremos melhorar ainda mais”, declarou o piloto.

No ano do tetracampeonato mundial, Hamilton tem um momento como especial. No Grande Prêmio do Canadá, em junho, o britânico conquistou a 65ª pole da carreira e igualou Ayrton Senna, a quem o piloto da Mercedes sempre se refere com o grande ídolo.

“Queria ser ele quando queria entrar na F1. Quando conquistei as 65 poles, a família de Senna me mandou um dos seus capacetes. (...) É muito emocionante para mim, eu vi e me inspirei nele. É inspirador o que ele fez para mim. Agora tenho um pedaço de Senna na minha sala de estar”, disse, resumidamente, Hamilton, que publicou um vídeo sobre o assunto.

Depois de fazer uma previsão de 2018 e recordar um emocionante momento de 2017, Hamilton tratou de contar os planos para as férias. À BBC, o piloto contou que separará uma boa parte do período de descanso para, enfim, se inteirar sobre um dos grandes fenômenos da televisão mundial.

“Nunca vi nada de Game of Thrones. Meus amigos e especialmente meu irmão são grandes fãs, e acredito que vou acompanhar agora no inverno”, afirmou o grande nome da temporada atual da F1.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
UOL Esporte
Redação
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
AFP
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo