Topo

Fórmula 1

Dirigente-geral da F-1 negocia com Dinamarca por GP em 2020

Clive Mason/Getty Images
Chase Carey, diretor-geral da Fórmula 1 Imagem: Clive Mason/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

10/01/2018 14h32

A Fórmula 1 se movimenta para ter uma prova na cidade de Copenhague, na Dinamarca, na temporada 2020. Nesta quarta-feira (10), Chase Carey, diretor-geral da categoria, se reuniu com membros do governo dinamarquês para discutir o projeto de um trajeto urbano de 4,6km.

A reunião envolveu o ministro dos Negócios, Brian Mikkelsen, e os dois idealizadores do projeto: o ex-ministro Helge Sander e o empresário Lars Seier Christensen, fundador do banco Saxo Bank.

“Estamos entusiasmados pela possibilidade de uma corrida na Dinamarca. No ano passado, falamos muito da importância de realizar provas em locais icônicos, que captem os interesses mundiais. Acredito que Copenhague se encaixaria perfeitamente”, afirmou Chase Carey, em declaração publicada pelo jornal “Sport”.

A publicação afirma que Casey deve se encontrar em breve com o prefeito de Copenhague, Frank Jensen. O governo local decidirá antes do final do primeiro semestre sobre a viabilização do projeto estimado entre 300 e 500 milhões de coroa dinamarquesa (R$ 156 milhões e R$ 260 milhões).

A ideia contaria com a resistência de diversos grupos políticos de Copenhague. Eles acreditam que o projeto causaria desconforto aos cidadãos e não se encaixaria no perfil de Copenhague, que se posta como uma cidade verde e defensora da bicicleta como meio de transporte.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!