Topo

Fórmula 1

Extensão de terra pode mudar traçado do GP de Mônaco no futuro

Peter Fox/Getty Images
Monte Carlo vai ganhar nova área de 60 mil metros quadrados na entrada do túnel do circuito de Fórmula 1 Imagem: Peter Fox/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

04/04/2018 17h06

Em novembro de 2017, Mônaco deu início a uma ousada obra de expansão territorial. Ao custo de R$ 5,6 bilhões, em valores atuais, o principado ampliaria seu território em cerca de 60 mil metros quadrados na região de Le Portier, em Monte Carlo.

A novidade deve estar pronta em 2026 e pretende atrair bilionários ao redor de diversas partes do mundo. Segundo o jornal Guardian, o metro quadrado em Le Portier custará a partir de R$ 217 mil, segundo conversão de abril de 2018.

Com as mudanças, o traçado do Grande Prêmio de Fórmula 1 no principado também pode mudar. Em declarações à revista Forbes, o príncipe de Mônaco, Albert, admite que a pista pode ser alterada, ganhando novos contornos onde hoje fica a entrada do túnel do circuito de rua.

“De vez em quando, nós observamos diferentes possibilidades de expansão da pista, e certamente algo a se pensar a respeito é que estamos construindo uma nova extensão de terra. Não há planos a respeito ou algo assim ainda; simplesmente é algo que, em nossas mentes, no Automóvel Clube (de Mônaco) e no Governo, pensamos que poderia acontecer”, disse o monegasco.

“Não estou dizendo que vai obrigatoriamente acontecer, mas em algum momento vamos pensar juntos e dizer: como podemos não apenas melhorar isso (pista), mas também torná-la mais empolgante promovendo talvez uma pequena mudança”, acrescentou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!