Topo

Fórmula 1

McLaren celebra 25 anos de volta 'lendária' de Ayrton Senna em GP da Europa

Do UOL, em São Paulo

11/04/2018 14h41

A McLaren divulgou nesta terça-feira um vídeo para relembrar a primeira volta do Grande Prêmio da Europa de 1993, disputado em Donington Park (Inglaterra). Na corrida, realizada em 11 de abril daquele ano, Ayrton Senna – então piloto da equipe – realizou uma volta que ainda hoje é lembrada pelos fãs da Fórmula 1, e que a própria escuderia classificou como "lendária".

Naquela ocasião, o brasileiro largou em quarto lugar, atrás de Alain Prost, Damon Hill (ambos da Williams) e Michael Schumacher (Benetton). Com a luz verde, ainda perdeu a posição para Karl Wendlinger (Sauber).

Com o asfalto molhado, porém, Senna se deu bem. Primeiro, passou Schumacher, que havia perdido a posição para Wendlinger. Depois, superou sem dificuldades o austríaco da Sauber. No embalo, passou Hill por dentro em uma curva e, no hairpin Melbourne, passou também Prost. No fim, venceu a corrida à frente de Hill e Prost.

“Na pista, ele era totalmente focado. Na chuva, acho que ninguém foi tão rápido”, diz Neil Trundle, então mecânico do time, em depoimento ao vídeo.

A McLaren ainda ouviu antigos designers da equipe, e todos fizeram avaliações elogiosas sobre o desempenho de Ayrton Senna há exatos 25 anos.

“Ele era o quinto na primeira curva, mas enquanto todo mundo estava indo na ponta dos pés para encontrar onde estava a aderência, Ayrton instintivamente sabia onde estava a aderência. Curva após curva, ele virava à frente de todo mundo”, disse Matthew Jeffreys, que trabalhou no time entre 1984 e 2005.

“Ele estava ultrapassando os melhores do grid na época: Schumacher, Wendlinger, Hill e Prost”, relembrou Neil Oatley, funcionário do mesmo departamento entre 1987 e 2003.

“Os maiores, como Senna, precisam estar no limite o tempo todo, precisam arriscar tudo”, elogiou Steve Nichols, também designer do time entre 1987 e 2001.

O vídeo ainda mostra um breve depoimento de Senna, que credita a vitória à criatividade – dele e da própria McLaren. “Condições como as de hoje são uma loteria, e é necessário aproveitar as chances. Nessas horas, criatividade ganha corridas assim. Não apenas minha, mas da equipe também”, afirmou o brasileiro na ocasião.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!