Topo

Fórmula 1

Verstappen se desculpa com Vettel e é criticado por dirigente da Red Bull

Aly Song/Reuters
Max Verstappen arruinou a corrida de Sebastian Vettel e admitiu o erro após o Grande Prêmio da China Imagem: Aly Song/Reuters

Do UOL, em São Paulo (SP)

15/04/2018 06h31

Conhecido pelo arrojo, Max Verstappen admitiu que ultrapassou o limite da ousadia no Grande Prêmio da China, disputado neste domingo. Quinto colocado na terceira etapa da temporada, o holandês admitiu culpa no acidente com Sebastian Vettel, que perdeu a chance de lutar da vitória, e recebeu críticas na própria Red Bull, equipe vencedora em Xangai com Daniel Ricciardo.

Pouco após o fim da corrida, Verstappen procurou Sebastian Vettel para se desculpas, em imagens divulgadas pela TV Globo. Em entrevista na zona mista, o jovem piloto de apenas 20 anos adotou um discurso ameno para tratar o acidente e assumiu a culpa pela colisão responsável por “tirar” o tetracampeão mundial da corrida – o piloto da Ferrari terminou em oitavo.

“Pude enxergar brigando com os pneus e tentei retardar a freada na curva. Eu travei as rodas e bati nele. Obviamente foi minha culpa, não era o que queria”, afirmou o piloto da Red Bull.

“É fácil falar agora que poderia ter esperado, mas provavelmente tomei a melhor decisão, mas infelizmente isso aconteceu”, acrescentou o holandês, que acabou criticado dentro da própria equipe.

Verstappen também usou o Twitter para comentar a colisão com Vettel. "Infelizmente, cometi um erro e bati em Seb [Sebastian Vettel]. Isso comprometeu as nossas corridas. Não há nada o que possa fazer agora além de analisar minha performance e voltar ainda mais forte", escreveu o holandês.

Depois da corrida, Helmut Marko, consultor da Red Bull, conversou com Max Verstappen nos boxes de Xangai. O dirigente, assim como o piloto, enxergou uma ação errada na disputa com Vettel.

“Max [Verstappen] exagerou ao tentar ultrapassar Vettel. Foi um erro dele. Max já pediu desculpas, isso pode acontecer. Falei para ele que uma hora vai chegar [vitória], que não deve exagerar. Ele sabe que perde uma ótima oportunidade: tinha uma vitória para ele na mesa, mas ele jogou fora”, afirmou, em entrevista à Movistar.

Punido em 10s pelo acidente com Vettel, Max Verstappen terminou a corrida com a quinta posição. O holandês ocupa a oitava colocação no Mundial de Pilotos com 18 pontos. Daniel Ricciardo, vencedor da corrida deste domingo, é o quarto na tabela com 37.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!