Topo

Fórmula 1

Verstappen vence na Áustria; Hamilton quebra e perde liderança para Vettel

Leonhard Foeger/Reuters
Max Verstappen em ação na corrida da Áustria Imagem: Leonhard Foeger/Reuters

Do UOL, em São Paulo

01/07/2018 11h35

A Fórmula 1 provou mais uma vez que vive uma temporada cheia de variáveis. Neste domingo, Max Verstappen surpreendeu e venceu o GP da Áustria, a sua primeira corrida no ano, a quarta na carreira. Numa prova agitada no circuito de Spielberg, Sebastian Vettel subiu ao pódio na terceira posição, com Kimi Raikkonen em segundo. Lewis Hamilton, por sua vez, teve de abandonar, assim como Bottas e Ricciardo. Com isso, o inglês perdeu a liderança do campeonato, um ponto atrás de Vettel (146 a 145).

Verstappen largou na quarta posição e contou com o abandono de Bottas, que marcou a pole position, e também com a estratégia errada da Mercedes, que resultou na perda de posições de Hamilton - o piloto inglês chegou a liderar as primeiras voltas depois de largar em segundo.

Empurrado pela torcida holandesa presente em peso no circuito austríaco, Verstappen é o quarto piloto diferente a vencer uma prova em 2018 - além dele, Vettel (3), Hamilton (3) e Ricciardo (2) também receberam a bandeira quadriculada em primeiro. O holandês soma 93 pontos na temporada, atrás de Ricciardo, com 96, Raikkonen, 101, e os líderes Vettel e Hamilton.

A décima etapa da temporada vai acontecer já na semana que vem. O primeiro treino livre do GP da Inglaterra ocorre na sexta-feira, às 6h (horário de Brasília). Já a corrida terá início no domingo, dia 8, às 10h10.

Hamilton assume a ponta no início

Leonhard Foeger/Reuters
Imagem: Leonhard Foeger/Reuters

O líder do campeonato não conseguiu cravar a pole, mas superou Bottas antes da primeira curva, mesmo do lado sujo da pista. Na manobra, Hamilton se aproveitou uma tentativa de Kimi Raikkonen, que colocou sua Ferrari entre as duas Mercedes. Além disso, o inglês contou com a dificuldade encontrada por Bottas. Largando na primeira posição, o finlandês "espalhou" e caiu para quarto lugar, superado também por Raikkonen e Verstappen.

Bottas se recupera, mas abandona

No prejuízo após a largada ruim, Bottas, aos poucos, começou a colocar a casa em ordem. Em algumas voltas, o finlandês da Mercedes ultrapassou Raikkonen e Verstappen e voltou à segunda posição. Na 14ª volta, porém, Bottas, que fez a pole postion pela primeira vez na temporada, teve de abandonar a corrida por problemas no câmbio.

Mercedes erra estratégia e vê Red Bull na frente

Leonhard Foeger/Reuters
Imagem: Leonhard Foeger/Reuters

Na 15ª volta do GP da Áustria, logo após o abandono de Bottas, o safety car virtual entrou em ação na corrida. Com exceção de Hamiton, os primeiros colocados aproveitaram para trocar pneus. O tetracampeão, com isso, deu mais dez voltas até parar nos boxes. Após a troca, ele retornou logo à frente de Vettel, na quarta posição, atrás do líder Verstappen, Ricciardo e Raikkonen.

Vettel supera Hamilton; inglês abandona a prova

O piloto da Ferrari, que largou em sexto e chegou a cair para a oitava posição na primeira volta, conseguiu voltar às primeira posições em seguida e superar Hamilton na 40ª volta. Vettel forçou a ultrapassagem em cima do rival, superou o líder do campeonato e assumiu a terceira posição - pouco antes, Ricciardo foi ultrapassado por Raikkonen e parou nos boxes, perdendo posições para Hamilton e o próprio Vettel. No fim da prova, a sete voltas do fim, Hamilton também teve de deixar a corrida, com problemas na Mercedes.

Problemas para Vandoorne e Hulkenberg

Os dois pilotos tiveram problemas durante a prova. O belga da McLaren recebeu um toque ainda na primeira volta e teve de ir aos boxes. Dessa forma, pedaços de carro na ficaram na pista - Hamilton mencionou o fato pelo rádio em seguida. Na 13ª volta, Hulkenberg viu sua Renault o deixar na mão. O alemão ficou lento e abandonou a corrida com problemas no motor e muita fumaça no carro.

Alonso segue com dificuldades, mas termina em 8º

O piloto espanhol fda McLaren mantém o calvário na temporada 2018. O vencedor das 24 Horas de Le Mans teve de largar dos boxes depois de trocar a asa dianteira após o treino classificatório. Como tem ocorrido há tempo, o espanhol bicampeão mundial brigou no pelotão de trás, mas conseguiu se superar ao chegar na 8ª posição.

Aniversariante do dia sem sorte

Daniel Ricciardo viveu um dia especial neste domingo no circuito de Spielberg ao completar 29 anos. Na história da Fórmula 1, apenas dois pilotos venceram provas no dia do aniversário. São eles: James Hunt, que venceu o GP da Holanda em 1976 quando fez 29 anos, e Jean Alesi, que faturou o GP do Canadá no dia em que completou 31 anos. A 17 voltas do fim, Ricciardo abandonou a prova com problemas no motor.

Confira a classificação 

1. Max Verstappen (HOL/Red Bull) 1h21min56s024
2. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) +1s504
3. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) +3s181
4. Romain  Grosjean (FRA/Haas) +1 volta
5. Kevin Magnussen (DIN/Haas) +1 volta
6. Esteban Ocon (FRA/Force India) +1 volta
7. Sergio Pérez (MEX/Force India) +1 volta
8. Fernando Alonso (ESP/McLaren) +1 volta
9. Charles Leclerc (MCO/Sauber) +1 volta
10. Marcus Ericsson (SUE/Sauber) +1 volta
11. Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso) +1 volta
12. Carlos Sainz (ESP/Renault) +1 volta
13. Sergey Sirotkin (RUS/Williams) +2 voltas
14. Lance Stroll (CAN/Williams) +2 voltas*
15. Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren) +3 voltas

* punido com 10 segundos por não ter permitido a ultrapassagem de Sergio Pérez. 

Não completaram

Lewis Hamilton (GBR/Mercedes)
Brendon Hartley (NZL/Toro Rosso)
Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull)
Valtteri Bottas (FIN/Mercedes)
Nico Hulkenberg (ALE/Renault)