Topo

Fórmula 1

Williams confirma Kubica, que volta ao grid da Fórmula 1 após 8 anos

AP Photo/Francisco Seco
Robert Kubica pilota a Williams nos testes coletivos da Fórmula 1, em Barcelona Imagem: AP Photo/Francisco Seco

Do UOL, com informações da AFP

22/11/2018 07h21

A Williams confirmou na manhã desta quinta-feira (22) que o polonês Robert Kubica será piloto titular da escuderia em 2019, selando assim seu retorno ao grid da Fórmula 1 depois de oito anos.

O piloto, que completará 34 anos em dezembro deste ano, era considerado um dos novos talentos da categoria. Porém, um acidente de rali no começo de 2011 interrompeu sua trajetória na Fórmula 1, que teve como último capítulo antes do retorno o GP de Abu Dhabi, em 2010.

O anúncio já era esperado deste a última quarta-feira, quando o site “Motorsport” publicou o acerto. O retorno de Kubica ao grid da Fórmula 1 já havia sido especulado para a atual temporada, mas o polonês ficou apenas com a vaga de reserva em 2018.

Leia também:

Depois de uma temporada desastrosa, a Williams optou pela mudança radical de sua dupla titular, com as saídas do russo Sergey Sirotkin e do canadense Lance Stroll, que correrá pela Force India. George Russell, jovem britânico de 20 anos, será o companheiro de Kubica em 2019.

"Foi um duro caminho para retornar à Fórmula 1, mas o que parecia quase impossível começa a virar realidade. Estou entusiasmado de poder dizer que estarei no grid da Fórmula 1 em 2019", declarou Kubica em uma entrevista coletiva no circuito de Yas Marina.

A diretora da escuderia britânica, Claire Williams, destacou a "coragem e determinação" de Kubica, que era piloto reserva da equipe há um ano. "Suas qualidades na área de engenharia nos ajudarão no desenvolvimento do próximo carro", disse a filha do fundador da escuderia, Frank Williams.

Neste ano, Kubica participou de alguns treinos livres pela Williams. Ele já admitiu que, por conta do acidente, tem limitações no braço direito, mas que não comprometem seu desempenho.

"Há momentos em que piloto só com a mão direita na reta, estou recuperando minha mão esquerda. Mas isso vem automaticamente, e acho que sou muito sortudo na minha posição porque nunca piloto de uma maneira física. Piloto muito relaxado", disse, recentemente.

Kubica tem uma vitória em sua carreira na Fórmula 1, no GP do Canadá de 2008, quando era piloto da BMW Sauber.