Topo

Fórmula 1


"Schumacher continua lutando, é o que posso dizer", diz Jean Todt

Nhac Nguyen/AFP
Jean Todt, presidente da FIA, é um dos únicos que tem acesso a Schumacher Imagem: Nhac Nguyen/AFP

Do UOL, em São Paulo

2019-06-24T09:44:08

24/06/2019 09h44

Presidente da Federação Internacional de Automobilismo, Jean Todt falou brevemente sobre o estado de saúde de Michael Schumacher. O mandatário declarou que o ex-piloto tem muito apoio de seus familiares e segue lutando após o grave acidente que sofreu enquanto praticava esqui em 2013, em Méribel, na França.

"É uma coisa muito particular. Michael está muito bem amparado. Mora com sua família entre Genebra e Lausanne. Ele continua lutando. É a única coisa que posso dizer", declarou Todt à rádio "RMC Sport" durante o GP da França ontem.

No acidente que sofreu há quase seis anos, o alemão bateu a cabeça em uma rocha, teve sérias lesões cerebrais e desde então sua real condição de saúde é o segredo mais bem guardado do esporte.

Sabe-se que apenas amigos próximos de Schumacher, como Jean Todt, Ross Brawn e Felipe Massa, costumam visitá-lo. Nenhuma dessas pessoas costuma dar muitos detalhes sobre os encontros com o ex-piloto.