UOL Esporte Futebol Americano
 
14/01/2009 - 12h41

Após tragédia, Jennifer Hudson escolhe o Super Bowl para retornar

Das agências internacionais
Em Nova York (EUA)
Um dos maiores eventos esportivos do mundo, o Super Bowl, a final da liga profissional de futebol americano, marcará o retorno de uma cantora aos palcos, após uma tragédia familiar. Jennifer Hudson foi escolhida para interpretar o hino norte-americano no evento, segundo a agência AP.

AFP
Jennifer Hudson foi finalista do American Idol e venceu Oscar como atriz coadjuvante
RAVENS E CARDINALS SURPREENDEM
EAGLES E STEELERS LEVAM A VAGA
MAIS SOBRE O FUTEBOL AMERICANO
Hudson, de 26 anos, fará nesta ocasião sua primeira aparição pública desde que três de seus familiares foram brutalmente assassinados, em outubro. Seu cunhado, William Balfour, foi indiciado pelas mortes de sua mãe Darnell Donerson, o irmão Jason e o sobrinho Julian King.

Desde então, a cantora que ficou famosa ao ser finalista do programa de televisão American Idol e vencer o Oscar de melhor atriz coadjuvante por "Dreamgirls" ficou em reclusão. Em 2008, outra participante do programa foi responsável por cantar o hino dos Estados Unidos, a vencedora Jordin Sparks. O New York Giants ficou com o título.

Além da disputa pelo sonhado título da liga de futebol americano, o Super Bowl também é famoso por suas apresentações especiais. Além do hino, os shows de intervalo são parte fundamental da grande festa, sendo que Rolling Stones, Paul McCartney, U2 e Kiss estão entre os últimos participantes. Em 2009, Bruce Springsteen e a E Street Band se apresentarão.

Enquanto os detalhes são definidos, quatro times brigam pelas duas vagas no Super Bowl. Pela Conferência Nacional, a final será decidida entre Pjiladelphia Eagles e Arizona Cardinals. Na Americana, o Baltimore Ravens terá pela frente o Pittsburgh Steelers.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host