Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://esporte.uol.com.br/futebol/album/2016/01/23/gemeos-do-futebol-corinthians-tem-dois-em-seu-elenco.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20160123060000
Fotos

Titular neste início de ano no Corinthians, Ángel Romero (dir.) tem um irmão gêmeo meio-campista, Óscar Romero (esq.), jogador do Racing. Eles foram companheiros no Cerro Porteño (PAR) e o Corinthians demonstrou interesse em reaproximar a dupla em campo, mas Óscar se transferiu para o futebol argentino. Montagem/EFE e Agência Corinthians Mais

Marlone (dir.), reforço do Corinthians nesta temporada, é irmão gêmeo de Marlon (esq.), contratado este ano pelo Gama. Os dois foram criados separadamente e só se conheceram quando tinham 12 anos. Reprodução/Instagram Mais

Rafael (dir.) e Fábio (esq.) ficaram famosos quando se transferiram ainda garotos ao Manchester United, antes de mesmo chegarem ao profissional do Fluminense. Ambos são destros, mas Fábio atua na lateral esquerda. Foi Rafael, no entanto, quem teve mais chances no Manchester e hoje atua no Lyon. Fábio, por sua vez, está no galês Cardiff City. Paul Ellis/AFP Mais

Diego (esq.) e Diogo (dir.) surgiram juntos no Internacional no início dos anos 2000 depois de fazerem muito sucesso na base, tanto do clube quanto da seleção. Entre os profissionais, Diego se destacou mais pelo Inter antes de ambos começarem a rodar por outros times. Montagem/Reprodução Instagram Mais

Ronald (esq.) e Frank de Boer (dir.) foram famosos nos anos 1990, quando saíram juntos do Ajax para defender o Barcelona. Eles ainda disputaram as Copas do Mundo de 1994 e 1998 pela Holanda. Ronald era meia, enquanto Frank consolidou sua carreira como zagueiro. Gustau Nacarino/Reuters Mais

Guillermo Barros Schelotto (dir.) é um dos maiores ídolos da história do Boca Juniors, time que pôde defender ao lado do irmão gêmeo, Gustavo (esq.). Eles despontaram juntos no Gimnasia de La Plata. Hoje em dia, Gustavo é auxiliar técnico de Guillermo no U.S. Città di Palermo, na Itália. Tullio M. Puglia/Getty Images Mais

Antonio (esq.) e Emanuele Filippini (dir.) são dois ex-jogadores italianos que se aposentaram recentemente e jogaram apenas em seu país de origem, sendo companheiros de time durante quase toda a carreira. Defenderam equipes como Lazio, Palermo, Brescia e Livorno. Montagem/Getty Images Mais

Os alemães Sven (dir.) e Lars Bender (esq.) foram revelados juntos pelo Munique 1860, time que defenderam até 2009. Então, Sven foi para o Borussia Dortmund, enquanto Lars reforçou o Bayer Leverkusen, equipes em que eles atuam até hoje. Ambos também têm passagens pela seleção alemã desde as categorias de base. Reprodução Mais

Os russos Vasiliy (esq.) e Aleksey Berezutskiy (dir.) são iguais não só na aparência: ambos são zagueiros e se transferiram para o CSKA Moscou em 2001, equipe que defendem até hoje. Os irmãos são considerados ídolos de um dos maiores times da Rússia. Divulgação Mais

Como acontece na maioria dos casos, René (dir.) e Willy (esq.) Van de Kerkhof começaram no mesmo time, o Twente, da Holanda, e se transferiram juntos para o PSV, em 1973. Willy, no entanto, nunca mais saiu e encerrou a carreira em 1988, enquanto René deixou o PSV em 1985 para atuar em times da Grécia e Hong Kong antes de voltar ao futebol holandês. Reprodução/Twitter Mais

Gêmeos do futebol: Corinthians tem dois em seu elenco

ÚLTIMOS ÁLBUNS DE FUTEBOL



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos