UOL Esporte Campeonato Alemão
 
12/09/2009 - 12h33

Leverkusen assume liderança isolada; reservas garantem vitória do Bayern

Em jogo eletrizante, o Bayer Leverkusen venceu o Wolfsburg por 3 a 2, fora de casa, neste sábado, e assumiu a liderança isolada do Campeonato Alemão, mesmo que provisoriamente. Mas o maior destaque da rodada foi o Bayern de Munique que contou com a boa atuação dos jogadores vindos do banco de reservas para golear o Borussia Dortmund, de virada, por 5 a 1.

AP Photo/Fabian Bimmer
Renato Augusto brilhou na vitória de seu time sobre o Wolfsburg, do capitão Josué
VEJA AS IMAGENS DA BUNDESLIGA
CITY BATE O ARSENAL NO INGLÊS
O Leverkusen, de quebra, aumentou sua série invicta para cinco jogos, sendo quatro vitórias e apenas um empate, mas ainda pode ser alcançado pelo Hamburgo que joga neste sábado. Já o atual campeão Wolfsburg não vem conseguindo manter a boa campanha da temporada passada e permanece na zona intermediária na tabela.

Os visitantes abriram o placar aos 38 minutos de jogo. Após bate e rebate na área, Simon Rolfes pegou sobra na pequena área e marcou. O volante ainda ampliou aos 6 minutos do segundo tempo. Aos 12 minutos da etapa final, o brasileiro Renato Augusto fez boa jogada e tocou para KieBling ampliar. Misimovic e o brasileiro Grafite diminuíram para o Wolfsburg.

O Bayern de Munique também se deu bem na rodada. Com as boas atuações de Franck Ribéry e Thomas Müller, que entraram no decorrer da partida, a equipe quebrou uma invencibilidade de 19 jogos do adversário em casa e alcançou a quarta colocação da Bundesliga com oito pontos.

Apesar de ter feito investimentos bem superiores, os bávaros não começaram bem a partida e o Borussia criava as principais jogadas de perigo. Aos 4 minutos, Zidan recebeu e desperdiçou chance de ouro com o gol aberto. Mas, aos 10, após cobrança de falta, Mats Hummels marcou de cabeça contra seu ex-clube.

O Bayern cresceu no jogo e chegou ao empate também de cabeça. Após cobrança de falta, a bola sobrou para Mario Gómez empatar aos 36 minutos. No segundo tempo, o time de Munique foi arrasador. Aos 4 min, Ribéry começou a jogada, passou para Robben que tocou para Schweinsteiger virar. Aos 20 minutos, o francês cobrou falta no ângulo sem chances de defesa.

A comemoração chamou a atenção. Após trocar farpas com o técnico Van Gaal desde que chegou ao clube, Ribéry deu um longo abraço no treinador após o gol dando um recado de que não pode ficar no banco, mas mostrando que as desavenças foram esquecidas. Thomas Müller ainda marcou dois gols aos 33 e aos 42 minutos da etapa final para selar a goleada

Menos badalado, o Eintracht Frankfurt também ocupa posição de destaque. A equipe derrotou o Freiburg por 2 a 0, fora de casa, e, na terceira posição, alcançou a zona de classificação para a Liga dos Campeões da Europa, à frente do Bayern com nove pontos. Franz e Meier marcaram os gols da vitória.

Já o Hoffenheim venceu o Bochum por 3 a 0, subiu cinco posições na tabela e agora figura entre os que se classificam para a Liga Europa.O Nuremberg também conquistou uma vitória importante sobre o Borussia M´gladbach por 1 a 0, em casa, para se reabilitar e deixar a zona de rebaixamento da Bundesliga. O gol foi marcado por Kluge logo aos 6 minutos de jogo.

Também neste sábado, o Mainz venceu o Hertha, de virada, por 2 a 1, diante de sua torcida e complicou a situação do adversário que agora é vice-lanterna com três pontos. Todos os gols da partida saíram no segundo tempo. Maximilian Nicu abriu o marcador para o time de Berlim aos 5 minutos. Mas os mandantes reagiram no final com Ivanschitz, aos 35, e Aristide Bance, aos 40.

* Atualizada às 13h09

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host