UOL Esporte Campeonato Baiano
 
18/04/2010 - 07h04

Bahia e Vitória usam regulamento e boa fase para fazerem mais uma final no Baianão

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Com as melhores campanhas no Campeonato Baiano, Bahia e Vitória precisam apenas de um empate neste domingo, em casa, para repetir mais uma vez, na final do estadual, um dos clássicos mais tradicionais do futebol nacional. Não bastasse o regulamento a favor dos dois grandes do estado, ambas as equipes atravessam respeitáveis séries invictas.

Apesar de eliminado na Copa do Brasil, o Bahia tem uma das melhores campanhas do país em campeonatos estaduais, onde segue atravessando uma boa fase. Os 14 jogos sem derrota do clube tricolor ficam atrás apenas do Sport, de Recife, que acumula 21 jogos invictos no Campeonato Pernambucano.

Neste domingo, diante do Bahia de Feira, Renato Gaúcho não terá seu principal atacante, Rodrigo Gral. Apesar de ameaçar um retorno ao longo de toda a semana, o jogador sentiu o tornozelo no treino de sexta-feira e nem sequer foi ao campo do Fazendão no treino de sábado. Mendes e Edílson devem formar a dupla de ataque.

Na outra semifinal, o Vitória enfrenta o Camaçari tentando conter o entusiasmo após a goleada por 4 a 0 sobre o Goiás, na quarta-feira, pela Copa do Brasil. Assim como o rival, o rubro-negro também vive uma excelente fase, especialmente quando joga dentro de seus domínios. A equipe do técnico Ricardo Silva, que terá todos seus titulares no domingo, venceu os seus seis jogos que disputou no estádio Barradão no ano, anotando 21 gols e levando apenas um.

Apesar de jogarem duas semifinais distintas, Bahia e Vitória também estarão competindo entre si neste domingo. Além de uma vaga na final, a rodada define qual equipe tem a melhor campanha na competição, o que daria a vantagem de jogar por dois placares iguais em uma possível final entre os dois clubes. O Vitória leva vantagem de apenas um ponto sobre o tricolor na pontuação geral da competição, 42 a 41.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host