Torcedores do Bahia são baleados em Salvador. Rubro-negro também leva tiro

Do UOL, em Santos (SP)

  • EC Bahia/Divulgação

    Três torcedores da Bamor foram atingidos por disparos de arma de fogo

    Três torcedores da Bamor foram atingidos por disparos de arma de fogo

A final entre Bahia e Vitória disputada na manhã deste domingo (8) ficou manchada por cenas lamentáveis registradas longe do Barradão, palco da partida decisiva do Estadual. Pela manhã, três torcedores tricolores foram baleados na sede da Bamor, principal organizadas do Bahia, localizada no bairro do Tororó, em Salvador (BA). Pouco depois, foi a vez de um aficionado do Vitória ser atingido por disparos de arma de fogo, no bairro de Paripe, também em Salvador.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), dois homens que estavam dentro de um Hyundai HB20 branco efetuaram os disparos. Dois dos feridos foram encaminhados ao Hospital Geral do Estado (HGE), enquanto o terceiro foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Barris. Ainda não há informações oficiais do estado de saúde deles.

Antônio Marcos Sadela, de 49 anos, foi atingido no ombro esquerdo, enquanto Daniel Sena Duarte, de 20 anos, levou tiro no abdômen. Já Hugo dos Santos, de 25 anos, foi baleado na mão.

Pouco depois, por volta das 11h, um torcedor do Vitória chamado Tiego Santos Silva, de 24 anos, foi baleado na estrada da Cocisa, em Paripe. De acordo com o jornal Correio, ele tem 24 anos e foi alvejado nas costas e nas nádegas. Segundo testemunhas ouvidas pela reportagem do jornal de Salvador, os autores do crime teriam gritado "Aqui é Bamor" após executarem os disparos.

Ao UOL Esporte, o Hospital do Subúrbio, em Salvador, confirmou a entrada de Tiego. Ele passa por cirurgia.

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia informou que a autoria e a motivação dos crimes serão investigadas pela Polícia Civil.

Torcida única no clássico

Vale lembrar que o clássico deste domingo (8), no Barradão, foi realizado apenas com torcedores rubro-negros. No domingo passado, apenas tricolores compareceram à Fonte Nova. A medida foi adotada após recomendação do Ministério Público da Bahia (MP-BA).

Dentro de campo, o Bahia bateu o Vitória por 1 a 0 e conquistou o título baiano dento do Barradão. No jogo de ida, na Fonte Nova, o time tricolor havia superado o rival por 2 a 1.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos