UOL Esporte Futebol
 
20/05/2009 - 16h50

Botafogo descarta 'forçar' a saída do goleiro reserva Castillo

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro
Jogador sempre cotado para a seleção uruguaia e que chegou a se firmar como titular, Castillo recebe salário generoso no Botafogo, cerca de R$ 90 mil. Pelo alto custo que gera ao clube e por ser hoje reserva do jovem Renan, fala-se em uma possível saída do goleiro. Mas o Alvinegro nega. De acordo com o vice-presidente de futebol do clube, André Silva, o experiente arqueiro faz parte dos planos.

Luciano Paiva/UOL Esporte
Luciano Paiva/UOL Esporte
Goleiro Castillo perdeu espaço no clube após sofrer lesão e deu chance a Renan
PÁGINA DO CAMPEONATO BRASILEIRO
LEIA MAIS NOTÍCIAS DO BOTAFOGO
"A situação dele é normal. Temos uma política de manter os jogadores que querem ficar no clube, e ele quer. Não vamos nos desfazer dele. Ele está nos planos, como sempre esteve. Não existe nada", explicou o dirigente.

Mesmo entendendo que o uruguaio seja peça importante para o elenco, André Silva não descartou uma negociação. Mas isso, é claro, somente se algum outro clube demonstrar interesse e apresentar uma proposta que agrade a todas as partes envolvidas.

"A nossa intenção é que ele permaneça. Mas é lógico que se chegar uma oferta boa para o Botafogo, para o jogador e para todos, vamos avaliar. Mas está descartada a possibilidade de a gente tentar repassá-lo", emendou, em entrevista à Rádio Brasil.

Castillo foi titular durante boa parte da temporada passada, mas acabou sofrendo um lesão no joelho direito e ficou afastado dos campos por cerca de seis meses. Com isso, o novato Renan aproveitou a oportunidade e se firmou com a camisa 1.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host