UOL Esporte Futebol
 
06/07/2009 - 17h39

São Paulo atinge meta de patrocínio e refuta estratégia corintiana

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Nesta segunda-feira, a diretoria do São Paulo oficializou uma parceria com a LG Display e atingiu a meta de arrecadar R$ 30 milhões com patrocínios na temporada. São aproximadamente R$ 20 milhões obtidos com as marcas estampadas no uniforme, e o restante vem de parceiros que exploram o estádio do Morumbi, com placas de publicidade e camarotes, e o CT da Barra Funda.

Folha Imagem
Marca já está estampada na manga há 20 dias, mas só foi apresentada nesta segunda
"É PRECISO REAGIR LOGO"
PIOR INÍCIO NOS PONTOS CORRIDOS
LEIA MAIS SOBRE O SÃO PAULO
Entretanto, o clube descarta exibir outros logos no seu uniforme, como faz o rival Corinthians, por exemplo. O vice-presidente de marketing, Julio Casares, não citou o nome do rival, mas disse que a camisa não pode parecer um "macacão de Fórmula 1".

"Eu sou de um tempo romântico do esporte, quando ainda não existia o patrocínio. Por isso, entendo que não há nada mais sagrado do que o manto do time. Nós tivemos propostas, até mesmo antes de outras equipes, para colocar marcas embaixo do braço ou em outros espaços. Mas nós achamos que esse não é o melhor caminho para o São Paulo", comentou o cartola.

Três empresas têm espaço publicitário no uniforme são-paulino: a Reebok, a LG Eletronics e agora a LG Display. Essa última escolheu a marca da tecnologia In-Plane Switching (IPS) para ocupar a manga da camisa.

"Levamos quatro meses para fechar essa parceria com a IPS porque queríamos algo que fosse totalmente adequado à linha de comunicação da nossa camisa", explicou Casares.

O Corinthians apresenta seis logos em seu uniforme, sendo que dois pertencem ao mesmo grupo. No total, o faturamento com cotas de patrocínio do rival alvinegro se aproxima dos R$ 30 milhões, considerando apenas a vestimenta.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host