UOL Esporte Futebol
 
10/10/2009 - 18h39

'Pai' Petkovic explica pênalti e exalta virada do Flamengo

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro
Aos 37 anos, Petkovic vem desequilibrando a favor do Flamengo. Neste sábado, no triunfo por 2 a 1 de virada diante do São Paulo, o sérvio marcou um gol de pênalti e deixou Zé Roberto livre para fazer o segundo. Após o duelo, ainda no gramado, o meia vibrou muito e explicou seu gol.

Na primeira cobrança, Rogério Ceni defendeu, mas o árbitro mandou voltar, alegando que o goleiro se adiantou. Na segunda tentativa, Petkovic, com extrema categoria, bateu no meio do gol, no alto, deslocando o camisa 1 do São Paulo.

"Eu perdi o primeiro pênalti e os jogadores me deram muita força. O Everton Silva falou para mim: ´Pai, você é nosso ídolo, não vai perder de novo'. Eu fui lá e fiz", disse Petkovic, exaltando o triunfo rubro-negro.

"Na minha opinião jogamos melhor, mesmo no primeiro tempo, quando criamos as melhores chances. Foi uma grande vitória nossa no Maracanã", finalizou o atleta, que tem contrato até o meio do ano que vem.

Quem corroborou com Petkovic foi outro estrangeiro, Maldonado, que desde que estreou pelo Flamengo a equipe não perdeu mais e soma agora oito jogos de invencibilidade.

"A gente jogou melhor que o São Paulo. Tivemos mais chances de gol e alcançamos uma sequência muito boa sem derrota", disse o volante.

Com o triunfo, o Flamengo chegou aos 45 pontos e agora passa a secar Goiás, Atlético-MG e Internacional, adversários diretos na luta por uma vaga no G-4. Por enquanto, o time rubro-negro ainda está na sexta colocação.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host