UOL Esporte Futebol
 
10/10/2009 - 19h24

Everton fratura o pé e desfalca Fla até o fim do ano; Álvaro torce o joelho

Marlos Bittencourt
No Rio de Janeiro
A euforia no vestiário rubro-negro após a vitória de virada por 2 a 1 diante do São Paulo contrastou com as tristezas de Everton e Álvaro. O meia, que tem atuado na lateral esquerda, fraturou o pé direito e desfalcará a equipe até o fim do ano, enquanto o defensor torceu o joelho direito e não sabe quanto tempo ficará afastado.

Everton, que assumiu a lateral do time desde que Juan se lesionou e vinha tendo boas atuações, se machucou no fim da partida desta tarde e imediatamente teve o local imobilizado. Por se tratar de uma fratura, é bem provável que o tempo de recuperação seja demorado e, como o Brasileirão termina no início de dezembro, o jogador só voltará em 2010.

Menos mal para o treinador Andrade que Juan já está recuperado e, diante do São Paulo, até atuou como titular, mas no meio-campo. Porém, o técnico vinha treinando a equipe com Everton e Juan juntos e gostava desta formação, com o revezamento de ambos pela esquerda.

Quem também deverá desfalcar o Flamengo no jogo contra o líder Palmeiras, no domingo, às 16h, em São Paulo, é o zagueiro Álvaro. O defensor torceu o joelho direito no segundo tempo do duelo diante do Tricolor paulista, foi substituído por Wellinton e passará por exames neste domingo para saber a gravidade.

Se desfalcar a equipe, Álvaro deverá ser substituído pelo próprio Wellinton, já que David, reserva imediato, fraturou um osso da face no Fla-Flu do último domingo e só voltará em seis semanas.

Solidário aos companheiros que se machucaram neste sábado, Petkovic, destaque da equipe, dedicou para eles seu gol e sua boa atuação.

"O Everton e o Álvaro são dois importantíssimos jogadores, por isso dedico a eles o meu gol e essa vitória. Estamos perdendo jogadores importantes em momentos decisivos", alertou o sérvio.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host