UOL Esporte Futebol
 
01/11/2009 - 12h05

Adriano cumpre promessa e mantém boa média de gols no Maracanã

Cauê Rademaker
No Rio de Janeiro
Na véspera do jogo contra o Santos, o atacante Adriano disse que esperava balançar a rede santista para não ficar para trás na disputa da artilharia do Campeonato Brasileiro. Cumpriu sua promessa naquele que é seu palco predileto na competição, o Maracanã.

ADRIANO MARCA, E BRUNO PEGA PÊNALTIS

  • Adriano cabeceia e faz o gol da vitória do Flamengo

  • Bruno defende 2 cobranças de pênaltis de Ganso

No estádio carioca, o Imperador anotou 13 dos seus 17 gols no Nacional. Nas quatro últimas partidas que disputou no estádio, o centroavante fez seis gols, o que lhe dá força na briga para se tornar o maior goleador nesta edição do Brasileirão.

Com o gol feito diante do Santos, Adriano empatou com Diego Tardelli no topo da disputa, ambos com 17 gols. Resta ao Imperador secar o rival neste domingo, já que Tardelli estará em campo no confronto entre Atlético-MG e Goiás, no Serra Dourada.

Contudo, além de prestar atenção em Tardelli, Adriano não pode se descuidar de Alecsandro, do Internacional, com 15 gols, e nem de Jonas, do Grêmio, com 14 tentos assinalados na competição.

No sábado, o camisa 10 rubro-negro assegurou a vitória do seu time logo aos 6min de jogo. Após cruzamento preciso de Leonardo Moura, que avançou pela direita, o centroavante ganhou da zaga santista no alto e cabeceou de forma certeira, no canto esquerdo do goleiro Felipe.

"O mais importante é o trabalho do grupo. Meu gol é apenas consequência do trabalho de todos", dividiu com os companheiros Adriano.

O jogador, assim como restante do elenco, terá dois dias de folga e se reapresentará na terça-feira à tarde, no Ninho do Urubu. O próximo duelo do Flamengo é justamente contra o Atlético-MG, equipe de Diego Tardelli e que também briga com o Rubro-Negro na parte alta da tabela.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host