UOL Esporte Futebol
 
01/11/2009 - 19h05

Hélio dos Anjos lamenta expulsão 'crucial', mas passa moral aos pupilos

Do UOL Esporte
Em São Paulo
O técnico Hélio dos Anjos apontou um lance determinante para mais uma derrota do Goiás no Campeonato Brasileiro - desta vez em casa para o Atlético-MG, por 3 a 2. Embora sua equipe tenha sofrido dois gols logo no início da partida, o comandante esmeraldino avaliou a expulsão do zagueiro Ernando como responsável pelo resultado final.

"Para mim, [o cartão vermelho de Ernando] foi pior do que tomar o terceiro gol", declarou Hélio dos Anjos. "Eu preferia ter sofrido o terceiro gol antes a ter perdido o jogador", complementou o treinador, que viu seu zagueiro receber o cartão vermelho aos 7min do segundo tempo, quando o placar marcava 2 a 2 - Diego Tardelli, de pênalti, desempatou aos 23min para os visitantes mineiros.

Embora tenha amargado neste domingo sua sétima partida seguida sem vencer, Hélio dos Anjos evitou fazer críticas à sua equipe. Ao contrário. Com o Goiás estacionado nos 47 pontos na oitava colocação da tabela, o treinador garantiu que precisa passar a mão na cabeça dos atletas para que a confiança retorne ao Serra Dourada.

"Tenho que tirar essa pressão e dar moral, porque acredito que o jogador só se forma jogando, estando sujeito a erros e acertos", disse o treinador, rejeitando mudanças drásticas em sua equipe-base para as últimas cinco rodadas do campeonato. "Antes, as coisas estavam dando certo", lembrou.

Na próxima rodada, o Goiás deixa o estádio Serra Dourada e embarca para Curitiba, onde enfrenta o Atlético-PR na Arena da Baixada, domingo, às 18h30 (de Brasília). O clube rubro-negro paranaense ocupa atualmente o 15º posto da tabela de classificação, com 40 pontos.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host