UOL Esporte Futebol
 
02/11/2009 - 16h01

Cruzeiro segue o melhor do returno, mas coleciona viradas no Mineirão

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
Apesar de ter sido derrotado pelo Fluminense, por 3 a 2, nesse domingo, o Cruzeiro manteve a melhor campanha do returno do Brasileirão. Com 29 pontos somados de 42 disputados, o time celeste perdeu apenas três vezes nas 14 rodadas pela segunda metade da competição e todas as derrotas com características em comum. Os tropeços diante de São Paulo, Palmeiras e Fluminense ocorreram no Mineirão e de virada.

Divulgação/Vipcomm
Divulgação/Vipcomm
Time de Gilberto (F) abriu 2 a 0 ainda no 1º tempo, mas levou a virada do Fluminense
W. PAULISTA DISCORDA DE ADILSON
ADILSON DIZ QUE TABELA NÃO É FÁCIL
LEIA MAIS NOTÍCIAS DO CRUZEIRO
O primeiro revés do Cruzeiro no returno foi diante do tricolor paulista. Depois de abrir o placar com o lateral-esquerdo Diego Renan, o time celeste tomou a virada no segundo tempo com gols do meia Marlos e do atacante Borges, que decretaram o placar de 2 a 1 para o São Paulo.

No jogo seguinte no Mineirão, o time comandado pelo técnico Adilson Batista voltou a sair na frente, mas ser derrotado diante de um adversário paulista. Contra o Palmeiras, o atacante Thiago Ribeiro foi o responsável por colocar o Cruzeiro em vantagem.. Com um gol de falta, o meia Diego Souza empatou a partida ainda no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o atacante Vagner Love marcou o gol que fechou o placar em 2 a 1 para a equipe do treinador Muricy Ramalho. O lateral-esquerdo Armero ainda foi expulso no segundo tempo, mas o Cruzeiro não conseguiu chegar ao empate. A partida ficou marcada por protestos da diretoria cruzeirense contra o árbitro Evandro Rogério Roman, que não teria marcado pênaltis em favor da equipe mineira.

Nesse domingo, o Cruzeiro conheceu mais um revés de virada. No primeiro tempo, a equipe abriu 2 a 0 diante do Fluminense. A vantagem poderia ter sido ainda maior, mas Wellington Paulista, autor do segundo gol cruzeirense, cobrou para fora pênalti quando ainda estava 1 a 0.

No segundo tempo, com gols do zagueiro Gum e dois do ex-cruzeirense Fred, o Fluminense chegou ao 3 a 2 que o tirou da lanterna do Brasileirão e impediu o Cruzeiro de entrar no G4 (grupo de acesso á Libertadores). O time mineiro caiu para o sexto lugar com 51 pontos, sete a menos que Palmeiras e São Paulo, primeiro e segundos colocados, respectivamente.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host