UOL Esporte Futebol
 
03/11/2009 - 13h37

Goleiro Lauro se defende e diz que no Inter responsabilidade é de todos

Do UOL Esporte
Em Porto Alegre
A péssima campanha do Internacional no segundo turno do Campeonato Brasileiro, a segunda pior entre os 20 participantes, fez a torcida eleger alguns vilões preferenciais para direcionar sua revolta. Um deles é o goleiro Lauro, que no domingo teve de encarar vaias e xingamentos no Beira-Rio, após a derrota em para o Botafogo por 1 a 0, gol que sofreu de falta logo no primeiro minuto, em chute de Juninho. Lauro se defende e diz que ninguém pode ser considerado único culpado, mas nenhuma explicação satisfaz os colorados.

Vipcomm
Lauro diz que torcedor tem direito de cobrar, desde que no estádio, mas não fora dele
LEIA MAIS SOBRE O INTER
TABELA DO BRASILEIRÃO
Depois daquele gol no domingo, o goleiro chegou a fazer pelo menos duas boas defesas, mas de nada adiantou. Um torcedor avançou no microfone da Rádio Gaúcha, e perguntou, aos berros: "Como é que a gente vai ganhar, se todo bola que vai no nosso gol entra?" Lauro é paciente na sua reação: "Quando o time ganha, ganha todo mundo, quando perde, também é todo mundo".

O nº 1 do Inter não corre nenhum risco de perder sua posição no time. Ele tem a confiança do treinador, dos companheiros, e o diretor de futebol do clube, Giovanni Luigi, ainda disse,m após a derrota diante do Botafogo, que "o Lauro foi o nosso melhor jogador". A transmissão de apoio ajuda o goleiro, que completa sua segunda temporada como dono absoluto da posição. "Estou com a cabeça tranquila, o futebol é assim. Sei que quando o time não faz gols, a torcida cobra do atacante e quando o time sofre o gol, sobra para o goleiro".

Lauro, conformado, até dá razão aos torcedores, mas destaca que os protestos só são aceitos ali, no Beira-Rio, e não podem extrapolar os limites do estádio. "O torcedor paga ingresso, paga mensalidades o ano todo, e tem o direito de protestar quando o time não vai bem, mas esse protesto tem que ter limites, não pode o cara querer xingar e pressionar quando a gente está, por exemplo, num posto de gasolina", concluiu.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host