UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
08/05/2010 - 12h09

Após Mano ser mantido no cargo, torcedores protestam no Parque São Jorge

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Mano Menezes enfrenta uma situação complicada no Corinthians após a eliminação na Libertadores

    Mano Menezes enfrenta uma situação complicada no Corinthians após a eliminação na Libertadores

Depois de colocar o cargo à disposição e ser mantido pela diretoria do Corinthians, o técnico Mano Menezes foi alvo de protestos de cerca de 200 torcedores neste sábado, durante o treino no Parque São Jorge, em São Paulo. Além dele, os membros de torcidas organizadas também pediram a saída do diretor de futebol, Mário Gobbi.

A eliminação na Libertadores fez o técnico Mano Menezes entregar o cargo à diretoria na sexta-feira. No entanto, o presidente Andrés Sanchez e o diretor Mário Gobbi decidiram manter Mano e ampliaram seu contrato até dezembro de 2011. Na última quinta, lideranças de torcidas organizadas foram pedir a demissão de Mano ao presidente. Ele não sucumbiu à pressão e entendeu que o trabalho da comissão técnica precisa mudar, mas não seu comandante.

A decisão da diretoria inflamou ainda mais o ambiente no Parque São Jorge. A presença dos torcedores fez o clube reforçar a segurança e pedir ajuda da Polícia Militar. Os manifestantes chegaram a chamar o técnico de "retranqueiro", "safado" e gritaram ainda que ele tem esquema com empresário.

Quem também não escapou dos protestos foi o diretor Mário Gobbi, que foi chamado de "ladrão" e “intimado” a deixar o Corinthians. O supervisor Saulo Magalhães também teve o nome cantado.

Uma das críticas foi em relação ao preço dos ingressos, que chegou a ser vendido por R$ 350, para numerada, no duelo contra o Flamengo, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. Os jogadores também foram alvo da fúria da torcida que cantou: “Olele, olalá, se eu pego na balada, o bicho vai pegar".

Diante deste cenário, o Corinthians estreia neste domingo no Campeonato Brasileiro contra o Atlético-PR, às 16h, no Pacaembu. A competição é a única que restou no ano do centenário do clube, depois das eliminações precoces no Campeonato Paulista e na Libertadores. E para a torcida o título do torneio virou uma obrigação.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host