UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
14/05/2010 - 19h36

Paulo André negocia renovação e se vê fora de política de corte do Corinthians

Bruno Thadeu
Em São Paulo

O Corinthians pretende reduzir a folha de pagamento do elenco após a eliminação na Libertadores e prioriza o corte de jogadores considerados caros e que não têm tido bom desempenho. Fora do grupo dos medalhões, o zagueiro Paulo André negocia renovação de contrato com o clube.

Emprestado pelo Le Mans ao Corinthians até o final de junho, Paulo André já sinalizou ao clube francês que não pretende retornar. O Le Mans foi rebaixado para a segunda divisão do campeonato local e, por consequência, estuda cortar gastos, assim como o time paulista.

“Essa questão da redução de custo não interfere na minha negociação, já que meu salário não está entre os maiores. Eu, aliás, abri mão de 30% do meu salário na França quando vim atuar no Corinthians”, declarou o zagueiro ao UOL Esporte.

Segundo Paulo André, o time paulista pretende formular novo acordo.

CORINTHIANS NO TWITTER

“O meu empréstimo vence no fim de junho, mas Le Mans e Corinthians estudam um novo acordo. O problema é que o Le Mans precisaria ter um retorno financeiro pelo investimento feito em mim. Mas isso é questão de negociação. Esse assunto está sendo conversado”, acrescentou.

Mano Menezes e diretoria negam haver jogadores inseridos em uma eventual lista de cortes. Edu e Marcelo Mattos demonstraram insatisfação com a reserva e podem ser negociados. Elias levantou dados para obter passaporte comunitário, facilitando ingresso ao futebol europeu.

Reserva de Chicão e William, Paulo André aguarda novas oportunidades no time.

“Sabemos que é uma posição que tem o William e Chicão como titulares, mas o William cogitou a possibilidade de deixar o Corinthians no fim do ano. Nas vezes em que entrei eu pude ajudar. Espero que o Le Mans chegue a um novo acordo”.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host