UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
Washington Alves/Vipcomm

Wellington Paulista comemora um dos dois gols marcados no empate com o Avaí

16/05/2010 - 20h25

Em jogo dramático, Cruzeiro reage e busca empate diante do Avaí

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte

CRUZEIRO REAGE E CONSEGUE EMPATE

Em jogo de duas expulsões e muitas alternativas, o Cruzeiro demonstrou poder de reação ao sair perdendo por 2 a 0 no primeiro tempo e empatar na etapa final, por 2 a 2, com o Avaí, neste domingo, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Porém, mesmo com os titulares em campo, o time mineiro não conseguiu superar o adversário no Mineirão e agora se concentra no duelo decisivo com o São Paulo pela Libertadores. A equipe catarinense se manteve invicta e no topo da tabela da competição nacional.

A partida teve dois tempos distintos. Na primeira etapa, o Avaí abriu dois gols de frente, com Pará e Roberto, ao ficar com um jogador a mais, uma vez que o zagueiro Leonardo Silva foi expulso aos 17min. Na etapa final, o Cruzeiro reagiu com dois dois de Wellington Paulista. O goleiro Zé Carlos recebeu o cartão vermelho aos 14min e deixou os catarinenses com dez em campo.

Com o resultado, o Cruzeiro foi a quatro pontos e terminou a rodada em quarto lugar. Na estreia, havia vencido o Internacional, por 2 a 1, no Beira-Rio, em Porto Alegre. Na próxima rodada, o time mineiro enfrenta o Guarani, domingo 23, às 18h30, em Campinas.

PRINCIPAIS LANCES
PRIMEIRO TEMPO
4min - Thiago Ribeiro cruza da esquerda e Wellington Paulista cabeceia para fora, desperdiçando grande chance
17min - Leonardo Silva entra duro em Davi e é expulso
25min - GOOOLLL DO AVAÍ!!! Caio faz bola jogada e toca para Pará. O lateral invade a área, dribla Elicarlos e chuta no canto esquerdo de Rafael
46min - GOOOLLL DO AVAÍ!!! Em contra-ataque rápido, Roberto recebe na frente, invade a área e toca na saída de Rafael
SEGUNDO TEMPO
7min - GOOOLLL DO CRUZEIRO!!! Thiago Ribeiro cruza da direita, o goleiro Zé Carlos não alcança a bola e Wellington Paulista marca de cabeça
13min - Fabrício cruza rasteiro para a área e Thiago Ribeiro desvia, mas a bola passa rente à trave esquerda
14min Gilberto sofre pênalti em lance com Zé Carlos. O árbitro ainda expulsa o goleiro do Avaí
17min - GOOOLLL DO CRUZEIRO!!! Wellington Paulista cobra no meio do gol e empata a partida
28min - Wellington Paulista recebe na entrada da área, gira e chuta na trave esquerda
34min - Roberto escora cruzamento da esquerda e cabeceia no pé da trave direita de Rafael

Depois de golear na estreia o Grêmio Prudente, por 6 a 1, em Florianópolis, o Avaí esteve perto da segunda vitória, mas não soube aproveitar a vantagem na partida deste domingo. O time catarinense chegou a quatro pontos e encerrou a rodada na vice-liderança, por causa do saldo de gols, atrás apenas do Corinthians. No domingo, volta a jogar em casa, contra o Vasco, às 18h30.

A expectativa era saber se o Cruzeiro pouparia titulares para o duelo decisivo com o São Paulo, na quarta-feira, às 21h50, no Morumbi, que vale vaga às semifinais da Libertadores. Como perdeu por 2 a 0 no jogo de ida, no Mineirão, o time mineiro precisa vencer por dois gols de diferença, a partir de 3 a 1, para avançar na competição internacional.

O técnico Adilson Batista admitiu antes da partida que consultou os jogadores para saber se pouparia alguém neste domingo. “Eu conversei com alguns e senti que eles melhoraram. Tem a preocupação com Fabrício, Gilberto e Diego (Renan), que vem de uma sequência grande. Então, estão descansados”, disse o treinador, em entrevista a Rádio Itatiaia.

Com isso, Adilson Batista relacionou todos os titulares disponíveis. Ficaram de fora da partida apenas o goleiro Fábio, o lateral-direito Jonathan e o atacante Kléber, que se recuperam de contusão para voltar ao time contra o São Paulo.

 O jogo

O Cruzeiro começou bem o primeiro tempo e quase abriu o placar aos 4min. Wellington Paulista aproveitou cruzamento de Thiago Ribeiro, mas cabeceou para fora. Porém, a partida mudou para o time da casa depois da expulsão do zagueiro Leonardo Silva, aos 17min, que deixou a equipe mineira com um jogador a menos.

Leonardo Silva entrou forte em Davi e recebeu o cartão vermelho direito. O Avaí aproveitou a vantagem de atuar com um jogador a mais e cresceu na partida. Aos 25min, o time catarinense abriu o placar com Pará, que recebeu de Caio, deixou Elicarlos caído e chutou no canto esquerdo de Rafael,

O Cruzeiro tentou reagir, criou oportunidades para empatar, mas acabou surpreendido no contra-ataque rápido do Avaí, que ampliou aos 46min. Roberto recebeu em velocidade na frente, invadiu a área e tocou na saída de Rafael.

No encerramento do primeiro tempo, o time mineiro deixou o gramado sob vaias da torcida.

OPINIÃO DO ESPECIALISTA

Jogo no Mineirão foi "Lá e cá, mais lá do que cá"

No segundo tempo, o Cruzeiro voltou com uma mudança – o zagueiro Thiago Heleno entrou no lugar do lateral Diego Renan – e com mais vontade. O time da casa foi para cima do Avaí, que também retornou com uma substituição: Emerson Nunes deu lugar a Gabriel.

Aos 7min, o Cruzeiro diminuiu com Wellington Paulista, que marcou de cabeça depois de cruzamento de Thiago Ribeiro da direita, em que o goleiro Zé Carlos não alcançou a bola. O empate da equipe mineira, que manteve o ritmo, não demorou.

Aos 14min, Gilberto invade a área e disputa a bola com Zé Carlos. O árbitro marca pênalti e expulsa o goleiro do Avaí, que já havia recebido o cartão amarelo no primeiro tempo e levou o segundo no lance. Wellington Paulista cobrou no meio do gol e empatou o jogo.

O técnico Péricles Chamusca teve de sacrificar o atacante Davi, que deu lugar ao goleiro Renan. Com a expulsão de Zé Carlos, as duas equipes passaram a atuar com dez jogadores.

O Cruzeiro manteve a pressão e criou várias oportunidades para virar a partida. Aos 28min, Wellington Paulista chutou da entrada da área e acertou a trave esquerda do goleiro Renan. O Avaí respondeu e quase marcou aos 34min, quando Roberto cabeceou na trave direita de Rafael.

O time mineiro ainda buscou o gol da virada até o final, mas o Avaí, que também criou jogadas de perigo, segurou o resultado fora de casa.

CRUZEIRO 2 X 2 AVAÍ

CRUZEIRO
Rafael; Elicarlos (Guerrón), Gil, Leonardo Silva e Diego Renan (Thiago Heleno); Fabrício, Henrique, Marquinhos Paraná e Gilberto (Fernandinho); Thiago Ribeiro e Wellington Paulista
Técnico: Adilson Batista

AVAÍ
Zé Carlos; Emerson Nunes (Gabriel), Rafael e Emerson ; Patric, Marcinho Guerreiro, Rudnei, Caio e Pará (Hego); Davi (Renan) e Roberto
Técnico: Péricles Chamusca

Data: 16/5/2010 (domingo)
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Auxiliares: José Antonio Chaves Franco Filho (RS) e Marcelo Bertanha Barison (RS)
Público: 8.115 pagantes
Renda: R$ 67.363,94
Cartões amarelos: Zé Carlos (2), Rudnei (Avai); Thiago Ribeiro (Cruzeiro)
Cartões vermelhos: Leonardo Silva (Cruzeiro); Zé Carlos (Avaí)
Gols: Pará, aos 25min, Roberto, aos 46min do primeiro tempo; Wellington Paulista, aos 7min e 17min do segundo tempo

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host