UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
19/05/2010 - 07h10

Especialista, Alan Bahia lamenta o fim da paradinha

Do UOL Esporte
Em Curitiba
  • Com a proibição, Alan Bahia perde a arma da paradinha

    Com a proibição, Alan Bahia perde a "arma" da paradinha

Um dos especialistas, no Brasil, em bater pênaltis com paradinha, o volante Alan Bahia, do Atlético-PR, lamentou a decisão da Fifa de proibir o artifício, pelo qual o batedor para e finge o chute, antes de empurrar a bola para as redes.

"O pênalti já é uma forma de sair o gol. Você não pode beneficiar o infrator. Então a gente estava usando as armas que tínhamos para marcar. Mas vamos continuar treinando forte para chegar no jogo e bater da melhor maneira possível, agora cobrando direto", disse o jogador, em entrevista à Rádio Banda B.

ATLÉTICO-PR NO TWITTER

A proibição da paradinha foi decidida na terça-feira, em uma reunião da International Board, órgão ligado à Fifa que regulamenta o futebol. A partir de 1º de junho, a "arma" utilizada por Alan Bahia e outros batedores não poderá mais ser usada.

Mas, para o volante, a proibição não irá prejudicá-lo. "Vou continuar batendo da mesma maneira que sempre bati. Na maioria das vezes cobrei os pênaltis sem a paradinha", declarou.

 

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host