UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
27/05/2010 - 18h52

Apresentado, Uendel lembra de Roger e se diz pronto para pressão no Grêmio

Marinho Saldanha
Em Porto Alegre

A primeira contratação do Grêmio visando o segundo semestre da temporada foi apresentada nesta quinta-feira. O lateral-esquerdo Uendel, de 21 anos, ex-Avaí, chegou afirmando que está pronto para a pressão por boas atuações e quer jogar o quanto antes. Roger, ex-jogador do Grêmio, foi colega dele no Fluminense, e é ídolo do novo atleta do time tricolor.

"Todos precisam estar prontos para a pressão. A torcida quer um jogador de raça e de coração, que vibre com ela. Se eu tiver oportunidade de jogar, me sinto pronto. Vou ter que conquistar meu espaço e, quando jogar, vou colocar o coração na ponta da chuteira", disse o jogador após vestir a camisa do Grêmio pela primeira vez.

O Grêmio comprou 25% dos direitos de Uendel, que pertenciam ao Avaí. 50% ainda pertencem ao grupo Sonda, que investe em futebol. Outros 25% são do próprio jogador. O contrato assinado tem duração de 3 anos e o atleta disse esperar cumprir o período todo. "Já joguei de lateral, volante e zagueiro, quero mesmo é ajudar. Gosto da versatilidade e estou à disposição", lembrou.

Esta versatilidade foi aprendida com Roger, lateral-esquerdo que atuou com Uendel no Fluminense. Ex-jogador do Grêmio, Roger foi ídolo em Porto Alegre e lembrado na entrevista. "Eu gosto muito do Roger, trabalhei com ele no Fluminense. Tanto dentro quando fora de campo ele é uma pessoa espetacular. Chegando ao Grêmio seria legal lembrar dele", afirmou.

Por ter disputado normalmente o primeiro semestre e o início do Brasileirão, Uendel se coloca à disposição para os próximos jogos. "Eu joguei todas as partidas do Avaí no ano, menos duas. Iniciei o Brasileiro contra o Grêmio Prudente, mas tive um desconforto. Essa última partida, acabei não jogando como havia a negociação. Para este jogo pode ser precipitado, mas para o próximo eu estou disponível", disse Uendel se referindo ao duelo com o Atlético-MG.

O jogador lembrou que a oportunidade no Grêmio é a maior de sua carreira e citou o tamanho da torcida do time tricolor. "É uma oportunidade muito boa para mim. O Grêmio é um clube muito grande, de maior torcida no sul do país", concluiu.

O GRÊMIO NO TWITTER

O nome do lateral deve aparecer no BID até esta sexta-feira. Assim, Uendel terá condições de jogo para a sétima rodada do Brasileirão. Além dele, o grupo do Grêmio conta com Lúcio, Fábio Santos, Neuton e Bruno Collaço para o flanco esquerdo. Atualmente, somente Collaço está em condições de jogo. Os demais estão se recuperando de lesão.

Uendel é o quinto jogador do Avaí a ser contratado pelo Grêmio em 2010. "Certamente não vou me sentir sozinho. Já conversei com o William e com o Ferdinando, além do Douglas, que também jogou comigo no Criciúma", disse. Edílson e Ozeia também passaram pelo time da Ressacada.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host