UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
27/05/2010 - 23h40

Dirigente do Inter define derrota para o Vasco como inadmissível

Do UOL Esporte
Em Porto Alegre

A terceira derrota do Inter no Campeonato Brasileiro, de virada, 3 a 2, para o Vasco, no Rio de Janeiro, foi rotulada pelo vice de futebol, Fernando Carvalho, como inadmissível. O clube gaúcho chegou a fazer dois a zero – com gols de Andrezinho – em São Januário e cedeu o resultado para o time de Celso Roth nos últimos 45 minutos.

“O time não conseguiu encaixar ainda. Não temos harmonia nas nossas linhas. Tivemos dificuldades no primeiro tempo e tivemos uma pequena melhora, mas tomando uma virada inadmissível”, avaliou o vice de futebol, Fernando Carvalho, em entrevista à Rádio Gaúcha.

Para o dirigente, nem mesmo na etapa em que a equipe marcou dois gols teve boa apresentação. “O primeiro tempo não foi bom e achamos dois gols. Ficamos muito atrás e não vou falar de arbitragem. Quem faz dois a zero e toma a virada não pode falar do árbitro”, disparou o cartola.

Questionado sobre os problemas que afetam o rendimento do Inter no Campeonato Brasileiro, o dirigente pediu calma. “Fazer a análise de cabeça quente não é adequada. Temos que fazer um exame de consciência e ver por que não encaixou”, disse Carvalho. “Não adianta apurar culpados publicamente. Temos que procurar os motivos por que não estamos vencendo dentro do Inter”, completou.

Com outro revés, o Inter ocupa a décima oitava posição na tabela de classificação, com somente três pontos conquistados. São sete pontos de distância para o líder, Corinthians.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host