UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
31/05/2010 - 20h35

Presidente celeste anuncia punição a W. Paulista por "expulsão ridícula"

Bernardo Lacerda
Em Belo Horizonte

O atacante Wellington Paulista será punido pela diretoria do Cruzeiro, por sua expulsão na derrota para o Ceará, por 1 a 0, no domingo passado, pela quinta rodada do Brasileirão. A informação foi dada pelo presidente Zezé Perrella, que considerou “ridícula” a expulsão do jogador.

“O Wellington Paulista será punido pela expulsão, que foi ridícula e não pode acontecer. A partir de agora vamos cobrar mais dos jogadores do Cruzeiro”, afirmou Zezé Perrella.

Além de anunciar a punição ao atacante, o dirigente, anunciou que irá aumentar a cobrança sobre os jogadores do clube celeste. “A partir de agora, os jogadores do Cruzeiro terão de mostrar para a gente que a cada dia têm condições de jogar pelo Cruzeiro. Vamos cobrar deles mais empenho”, comentou.

Wellington Paulista foi expulso pelo árbitro carioca Péricles Bassols Cortez pouco tempo depois de ter entrado na partida contra o Ceará no domingo. O atacante fez uma falta no meio-campo e foi advertido com o cartão amarelo. Por reclamar acintosamente, jogando a bola no chão, ele acabou levando o vermelho.

O atacante foi o segundo jogador expulso no Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. Antes, o zagueiro Leonardo Silva havia recebido o cartão vermelho diante do Avaí, no Mineirão. Ele será julgado na noite desta terça-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e corre o risco de ser suspenso por um a seis jogos.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host