UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
15/06/2010 - 13h20

Sonho antigo do Fla, Jean chega e tenta acabar com possível desconfiança

Pedro Ponzoni
No Rio de Janeiro

O Flamengo apresentou nesta terça-feira após o treinamento da equipe o zagueiro Jean. O jogador, que assinou contrato até o final de 2011, chega tentando acabar com uma possível desconfiança por parte da torcida. Até o momento, ele foi o único atleta contratado desde a paralisação no Campeonato Brasileiro e a saída de Adriano.

JEAN É APRESENTADO

  • Pedro Ponzoni/UOL Esporte

    Zagueiro Jean chega e tenta acabar com possível desconfiança

A situação, no entanto, é vista com naturalidade pelo atleta. Ele afirmou que confia em seu potencial e preferiu deixar os jornalistas tecerem comentários com o decorrer dos jogos. Ele já teve passagens por São Paulo, Grêmio, Corinthians e estava atuando pelo FC Moscou, da Rússia, até se desvincular do clube, em março deste ano.

“Sei que independentemente do jogador que chegar, quem reforçasse o clube após a saída do Adriano seria complicado. Ele é um ídolo da torcida e em seguida anunciam o Jean? É normal esse questionamento. Acredito que não vou atrapalhar porque confio no meu trabalho e sei que caso não tenha sucesso a torcida vai me vaiar”, afirmou zagueiro, que emendou.

“Não terei problema em ser aproveitado em qualquer lado na zaga. Porém, prefiro não comentar sobre minhas características. Prefiro que a imprensa faça os julgamentos quando eu tiver oportunidades”, disse.

Em relação a parte física, Jean acredita que precisará de 40 dias para entrar em campo nas condições ideais. Por isso, considerou ótima a parada por conta da Copa do Mundo.

O FLAMENGO NO TWITTER

“Eu fiz a pré temporada na Rússia até a metade de março. Acho que não estou no mesmo nível dos outros jogadores. Por isso, a parada para a Copa será importante para mim. Acredito que dentro de 40 dias estarei em um bom nível físico”, opinou.

O dado curioso é que Jean chegou a ser pretendido ano passado. No entanto, como o Corinthians não liberou, o sonho foi adiado. O jogador demonstrou grande satisfação em vestir a camisa rubro-negra e chegou a dar um beijo no escudo.

“Não costumo beijar o escudo, mas esse clube merece. Eu tinha uma proposta do Flamengo ano passado. Fui procurado pelo Kleber Leite (ex-vice de futebol), mas o Corinthians não liberou. Acabei assumindo o compromisso com a diretoria do clube russo. No entanto, o clube acabou fechando por vontade do dono. Foi uma desilusão. Desta vez não poderia recusar uma proposta de um clube dessa grandeza. Ainda mais com a volta do Zico”, encerrou.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host