UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
16/07/2010 - 17h11

Wellington diz que volta ao Cruzeiro com "cabeça melhor" e mais experiente

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte

Formado nas categorias de base do Cruzeiro, onde passou sete anos, o zagueiro Wellington, que defendeu o Botafogo por um ano e meio, disse que retorna à Toca da Raposa com a “cabeça melhor” e mais experiente. O jogador iniciou, nesta sexta-feira, os testes físicos e espera entrar em forma rapidamente para ficar à disposição do técnico Cuca.

“De antemão eu agradeço ao Botafogo pela oportunidade de jogar profissionalmente no nível que foi a Série A no ano passado. Acumulei experiência jogando contra jogadores de altíssima qualidade, podem ter certeza que acrescentou muito para mim. Volto para o Cruzeiro com uma cabeça melhor e o jogo também”, observou Wellington, em entrevista veiculada pelo site oficial do Cruzeiro.

O zagueiro tinha contrato com o Botafogo até dezembro deste ano, mas foi liberado pelo clube carioca para voltar ao Cruzeiro. Sem treinar há duas semanas, Wellington tenta recuperar a condição física para ser aproveitado por Cuca, que tem poucas opções para a zaga. Com Leonardo Silva e Thiago Heleno em recuperação de cirurgia, o treinador conta apenas com Cláudio Caçapa e Gil para o setor.

“Eu vou procurar trabalhar fisicamente porque fiquei um tempo parado, teve a rescisão do Botafogo que levou um pouco de tempo. Meu foco é tratar da parte física, mas assim que der já vou mostrar que tenho condição de jogo. É o que mais quero agora. Estou louco para vestir a camisa do Cruzeiro em situação de jogo”, afirmou.

Wellington destacou-se na base do Cruzeiro e participou da conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2007. Nesse mesmo ano, ele chegou a fazer três jogos pelo time profissional. O zagueiro participou do segundo jogo da final do Campeonato Brasileiro, em que o Cruzeiro venceu por 2 a 0, mas o Atlético foi o campeão por ter feito 4 a 0 no primeiro duelo.

De volta ao clube celeste, Wellington espera agarrar a nova oportunidade e, desta vez, se firmar na equipe. “Quando houve a possibilidade de retornar, eu fiquei muito feliz porque aqui é a minha casa realmente. Não foram sete dias nem sete meses, e sim sete anos na base. Tenho uma identificação e um carinho muito grande pelo clube. Espero mostrar mais agora. Vai depender de mim. Com muita dedicação, quero dar retorno ao Cruzeiro”, ressaltou.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host