UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
19/07/2010 - 18h29

Blog do Birner: Cartolas do São Paulo também estão insatisfeitos com R. Gomes

Blog do Vitor Birner
Em São Paulo
  • Segundo informações de bastidores, Ricardo Gomes não é unanimidade na diretoria são-paulina

    Segundo informações de bastidores, Ricardo Gomes não é unanimidade na diretoria são-paulina

Quando perguntam publicamente aos dirigentes do São Paulo sobre o que pensam do trabalho de Ricardo Gomes, o discurso, típico cartolístico, é de apoio e crença no trabalho. Mas quando as portas da sala da presidência são fechadas, a conversa fica bem diferente.

A insatisfação de Juvenal Juvêncio com o futebol apresentado pelo São Paulo é a mesma do torcedor são-paulino. Não se trata de resultados apenas. A qualidade do futebol incomoda o primeiro mandatário do clube.

Por isso, a situação de Ricardo Gomes no comando do time é extremamente desconfortável. Muito mais do que aparenta.

O contrato dele termina no fim da Libertadores e ainda não recebeu proposta de renovação. O próprio Ricardo Gomes está ciente da importância do resultado na competição continental para continuar no clube. Ele realmente precisa se apegar à Libertadores. Seus comandados estão entre os 4 sobreviventes da competição mais cobiçada das Américas. Decidirão a semifinal e, se passarem, a finalíssima no Morumbi.

Tirante isso, na maior parte de 2010, o time colecionou fracassos. As apresentações diante do Cruzeiro que garantiram a vaga na semifinal da Libertadores foram o contra-ponto na temporada, por enquanto, de derrotas em clássicos, crises e futebol feio. Faltou até garra muitas vezes.

Mas a Libertadores é tudo pelos lados do Cícero Pompeu de Toledo, a chance de ganhá-la continua viva e de Ricardo Gomes, mesmo depois de tudo, terminar aplaudido.

Além da possibilidade de levantar a taça, a pobreza do mercado joga a favor do técnico.

Detalhe

Ricardo Gomes que discursava entusiasmado contra o 3-5-2 acabou utilizando a formação tática exatamente diante da Raposa na melhor partida são-paulina do ano. Isso não caiu bem com a cartolagem, fã do esquema com 3 zagueiros. Acham que ele demorou muito para fazer o óbvio.

“E quem você colocaria no lugar?”

Os dirigentes do São Paulo, quando questionados sobre a mudança de técnico, respondem com outra pergunta: “E quem você colocaria no lugar”???

Até hoje não demonstraram interesse em Adilson Batista. O nome de Silas, balançando no Grêmio, onde Adilson é adorado, ganha força no Morumbi.

Mas Juvenal Juvêncio tapa os ouvidos para a central de boatos. Provavelmente deseja alguém experiente, renomado e empregado. E não sabe se conseguirá contratar o dito cujo.

Caso sim, talvez até mude o treinador mesmo se Ricardo Gomes conquistar a Libertadores.

Propostas milionárias do exterior podem resolver tudo sem o surgimento doutros entraves.

Ricardo Gomes recebeu uma, pouco tempo atrás, do futebol do Qatar.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host